X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Em "jogo das faixas", Fluminense vence São Paulo pelo Brasileirão

Antes do início da partida, os jogadores de Fluminense e São Paulo entregaram as faixas de campeão da Copa do Brasil e da Libertadores


Imagem ilustrativa da imagem Em "jogo das faixas", Fluminense vence São Paulo pelo Brasileirão
Cano marcou o gol da vitória do Fluminense |  Foto: Marcelo Gonçalves / Fluminense

O Fluminense venceu o São Paulo por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (22), no Maracanã, em jogo atrasado da 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida foi chamada de 'jogo das faixas', pois os jogadores trocaram faixas de campeão da Copa do Brasil e da Libertadores antes de a bola rolar.

O time de Fernando Diniz abriu o placar já na segunda etapa em chute de Cano de fora da área. A bola ainda desviou em Rafinha e matou o goleiro Rafael.

Leia mais notícias de Esportes aqui

O São Paulo perdeu Gabi Neves, expulso, ainda no primeiro tempo e pouco conseguiu criar no jogo. O time segue sem nenhuma vitória como visitantes no Brasileirão: são oito empates e nove derrotas.

O clima festivo acabou assim que o apito inicial soou. A partida foi marcada por muita discussão entre jogadores, técnicos e arbitragem, além de disputas duras como na expulsão de Gabi Neves.

Com o resultado, o Fluminense chegou a 50 pontos, mas não subiu nenhuma posição na tabela e segue em oitavo. Já a equipe paulista parou nos 46, em 10º.

O São Paulo volta a campo neste domingo (26), quando recebe o Cuiabá às 18h30. Já o Fluminense joga um dia antes, no sábado (25), às 21h, também em casa contra o Coritiba.

O JOGO

Imagem ilustrativa da imagem Em "jogo das faixas", Fluminense vence São Paulo pelo Brasileirão
Jogadores de Fluminense e São Paulo trocaram faixas de campeão antes do início do jogo |  Foto: Lucas Merçon / Fluminense

O clima de celebração e harmonia entre os dois clubes, com jogadores trocando faixas de campeão da Copa do Brasil e Libertadores durou apenas até o apito inicial. Com a bola rolando, o jogo se mostrou tenso, com muita discussão e até uma expulsão ainda na primeira etapa, quando Gabi Neves chegou atrasado em Thiago Santos. O nervosismo seguiu até o fim do jogo, com diversos registros de discussões e entradas mais ríspidas.

A partida teve poucas oportunidades, com a primeira boa chance chegando só nos acréscimos da primeira etapa. No segundo tempo, Diniz voltou com Lelê no lugar de David Braz e colocou o Fluminense em cima do São Paulo. O desenho do jogo, então, foi claro: os cariocas tinham o domínio das ações e os paulistas se defendiam.

O gol de Cano, porém, não saiu em jogada trabalhada, mas sim em chute de fora de área que desviou em Rafinha. O Tricolor das Laranjeiras teve ao menos mais uma chance para ampliar, mas não aproveitou. O São Paulo, por outro lado, não conseguiu superar a inferioridade numérica para ameaçar os cariocas.

LANCES IMPORTANTES

Expulso! Aos 28, Gabi Neves chegou atrasado e acertou um pisão em Thiago Santos. O árbitro deu amarelo, mas o VAR recomendou a revisão e o uruguaio foi expulso após análise no vídeo.

Rafael! Já nos acréscimos no primeiro tempo, o Fluminense exigiu o goleiro são-paulino. Alexander fez boa jogada pela direita e colocou bela bola para entrada de Samuel Xavier. O lateral, dentro da área, soltou a bomba e Rafael espalmou.

1x0. Cano recebeu a bola na entrada da área, ajeitou o corpo e mandou para o gol. A bola desviou nas costas de Rafinha e matou o goleiro Rafael.

Quase mais um! Cano lança Yony González na direita e ele chega batendo cruzado para a defesa com os pés de Rafael. No rebote, a bola fica viva dentro da área, mas Lelê não consegue completar e Diego Costa afasta o perigo.

Quase de carrinho! Aos 23 minutos, o Fluminense saía jogando quando a bola foi recuada para o goleiro Fábio e ele demorou a fazer o passe. Pablo Maia pressionou de carrinho e desarmou o goleiro dentro da pequena área, mas a bola saiu desviada ao lado da trave carioca.

Ficha Técnica

Fluminense 1 x 0 São Paulo

FLUMINENSE

Fábio; Samuel Xavier (Guga), David Braz (Lelê), Thiago Santos (Diogo Barbosa) e Marcelo (André); Martinelli, Alexsander e Ganso; Lima, Yony González (Leo Fernández) e Cano. Técnico: Fernando Diniz

SÃO PAULO

Rafael; Rafinha, Diego Costa, Beraldo e Welington; Pablo Maia (Talles Wander), Alisson (Talles Costa) e Gabi Neves; Juan (Nathan Mendes), Luciano (Erison) e David (William Gomes). Técnico: Dorival Jr.

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro

Juiz: André Luiz Skettino Policarpo Bento (MG)

Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)

VAR: Diego Pombo Lopez (BA)

Cartões amarelos: Beraldo, Diego Costa, Rafinha, Nathan Mendes e David (São Paulo); Marcelo, Cano, Ganso, Guga, Alexsander e Martinelli (Fluminense)

Cartão vermelho: Gabi Neves (São Paulo)

Gol: Cano, aos 9min/2ºT

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: