X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Tempo e Temperatura

Linhares registra mais de 100 milímetros de chuva e nível do Rio Doce sobe

Forte chuva causou pontos de alagamentos na cidade



Imagem ilustrativa da imagem Linhares registra mais de 100 milímetros de chuva e nível do Rio Doce sobe
Nível do Rio Doce subiu em Linhares |  Foto: Reprodução Instagram @prefeituradelinhares

A cidade de Linhares, no Norte do Espírito Santo, foi a que registrou o maior volume acumulado de chuva nas últimas 24 horas, no Estado. Os dados do boletim extraordinário da Defesa Civil Estadual, divulgados na manhã desta quinta-feira (22), mostram que o município contabilizou 108 milímetros de chuva. 

A chuva forte atingiu o município, no início da tarde de quarta-feira (21), e o grande volume acumulado provocou vários pontos de alagamento em bairros de Linhares e elevou o nível do Rio Doce. 

Na madrugada desta quinta, o nível do rio marcava 2,80 metros, que é o limite de cota de atenção. 

Apesar do volume de chuva, não há moradores desalojados e desabrigados. 

Casa desaba em Colatina

Em Colatina, no Noroeste do Espírito Santo, a chuva forte voltou a provocar ocorrências. Uma casa desabou na rua Anchieta, no bairro São Marcos. O relatório da Defesa Civil Estadual informa que a residência estava irregular e o morador ficou desalojado. Ele foi orientado a ficar na casa de um vizinho até a visita social marcada para esta quinta (22). 

Já no bairro Santo Antônio, um muro de contenção desabou na rua Visconde de Cairú. Ninguém se feriu e não foi necessário interditar o imóvel.

Um trecho da rua Fiorona Menegati, no bairro Nossa Senhora Aparecida, cedeu e equipes da prefeitura foram acionadas. 

No Residencial Brisa do Vale, foi registrado um deslizamento de terra que interditou totalmente o acesso ao local. Não houve vítimas. 

Também na região Noroeste, em Jaguaré, a chuva provocou o rompimento de uma barragem no Córrego São Judas Tadeu no entroncamento do córrego do 18. Não houve famílias atingidas pela água. 

No Estado, são 13 pessoas desalojadas por conta da chuva. Além do morador da casa que desabou, em Colatina, outras 12 pessoas de Alfredo Chaves precisaram sair de suas residências. 

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: