X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Internacional

Mãe é presa ao deixar filha em cercadinho por 10 dias para viajar de férias

Menina de um ano e quatro meses morreu de fome e desidratação


Imagem ilustrativa da imagem Mãe é presa ao deixar filha em cercadinho por 10 dias para viajar de férias
Menina de um ano e quatro meses foi deixada dentro de casa, em Ohio |  Foto: Reprodução/Redes sociais

Uma mulher de 32 anos foi condenada à prisão perpétua pela morte da própria filha, deixada por ela em um cercadinho durante 10 dias nos Estados Unidos.

A menina de um ano e quatro meses foi deixada dentro de casa, em Ohio, em junho de 2023, quando Kristel Candelario saiu em viagem para Detroit e Porto Rico.

Ao voltar de férias, Kristel encontrou a menina sem respirar dentro do cercadinho. Ela acionou o socorro, que constatou a morte da menina.

A causa da morte foi "fome e desidratação". O laudo foi emitido pela polícia do condado de Cuyahoga, informou a agência de notícias Associated Press.

A mulher foi condenada à prisão perpétua. Antes de ser condenada à prisão sem direito a pedidos de liberdade no futuro, a mulher contou que luta contra a depressão e que tem problemas de saúde mental. Ela afirmou que pede perdão "todos os dias" pelo que fez com a filha.

"Assim como você fez com sua filha, você deverá passar o resto da sua vida presa em uma cela sem liberdade", disse o juiz Brendan Sheehan, ao condenar mulher à prisão perpétua.

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: