X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esporte Capixaba

Vitória vira a chave e já pensa no Real Noroeste no mata-mata do Capixabão

Time perde para o Rio Branco VN na última rodada da primeira fase, mas deixa derrota no passado e foca nas quartas de final



Imagem ilustrativa da imagem Vitória vira a chave e já pensa no Real Noroeste no mata-mata do Capixabão
Jogadores de Vitória e Rio Branco VN disputam lance no estádio Olímpio Perim. O Vitória chegou a sete jogos sem triunfar, mas os dois times se classificaram para as quartas de final do Campeonato Capixaba |  Foto: Clara Fafá / Vitória FC

O Vitória se classificou para o mata-mata do Cameponato Capixaba, mas a torcida Alvianil está preocupada com o time, que chegou a sete jogos sem triunfo na competição. Na tarde de sábado (02), perdeu por 2 a 1 para o Rio Branco VN, jogando no estádio Olímpio Perim.

A Águia de Bento Ferreira terminou na sétima colocação e enfrentará o Real Noroeste nas quartas de final. Já o Brancão Polenteiro, que precisava vencer para escapar do rebaixamento, se classificou e vai enfrentar a Desportiva Ferroviária no mata-mata.

No jogo em Venda Nova do Imigrante, o Rio Branco VN, que precisava dos três pontos para não depender do resultado de Serra e Estrela, foi para o ataque. Mas o time Alvinil foi quem criou as primeiras chances, aos 11 minutos, em cabeçada de Allyson Caucaia, e aos 13, após uma rebatida da defesa do Rio Branco VN, em que o lateral Foguete finalizou cruzado.

Aos 19 minutos, Henrique Tiririca cobrou falta e o goleiro do Vitória Neto Bonini evitou o gol do Brancão Polenteiro.

O time mandante abriu o placar aos 27, com Marcus Vinícius, no rebote do pênalti desperdiçado por Arthur Faria. Aos 38, o Vitória chegou ao empate, com Victor Vellaske. Kaiky cobrou falta para a área e o zagueiro apareceu na área para igualar o marcador.

Na etapa final, após uma bola levantada na área, Vellaske cabeceou livre, mas perdeu oportunidade de virar a partida aos 7 minutos. Logo depois, Kaiky invadiu a área, chutou cruzado para grande defesa do goleiro Pedro Zanette.

Aos 24, mais uma chance Alvianil. Zé também finalizou cruzado para mais uma defesa difícil do goleiro do Rio Branco VN.

Na sequência, veio o alívio para o time da casa. Em um chute de fora da área, o volante Jorge fez o segundo gol do Brancão Polenteiro.

O atacante Zé, do Vitória, destacou com o mata-mata se inicia um “novo campeonato”. “Era uma partida importante para eles (Rio Branco VN) e para nós. Vamos começar um novo campeonato no mata-mata. Estamos pecando nos detalhes (nos jogos sem vencer). Vamos concertar no decorrer da semana para voltar buscar as vitórias”, disse, após o jogo.

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: