X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Vereador é preso acusado de mandar matar ex-candidato

| 29/07/2021 14:22 h | Atualizado em 29/07/2021, 15:36

O vereador de Linhares Waldeir de Freitas Lopes foi preso em cumprimento de mandado de prisão temporária nesta quinta-feira (29) em Belo Horizonte, Minas Gerais.

O vereador de Linhares Waldeir de Freitas Lopes foi preso em cumprimento de mandado de prisão
O vereador de Linhares Waldeir de Freitas Lopes foi preso em cumprimento de mandado de prisão |  Foto: Divulgação/ Redes Sociais
De acordo com o delegado Fabrício Lucindo, titular da delegacia do município do Norte do Estado, confirmou que a prisão faz parte das investigações do homicídio do ex-candidato a vereador, Jonas Soprani.

Jonas foi morto a tiros no início da noite do último dia 23 de junho, no bairro Novo Horizonte em Linhares. O crime aconteceu dentro de um bar conhecido na região como “bar do seu Paulo”.

De acordo com o delegado, o vereador é apontado pelas investigações como o mandante do homicídio de Jonas. A motivação ainda não foi esclarecida pela Polícia e o caso segue sob sigílo.

Waldeir deve ser recambiado para o Espírito Santo nesta sexta-feira (29), quando prestará depoimento.

Ativista e ex-candidato a vereador é morto a tiros no Estado
Ativista e ex-candidato a vereador é morto a tiros no Estado |  Foto: Divulgação

Outras prisões

Operação prende acusados de matar ativista Jonas Soprani
Operação prende acusados de matar ativista Jonas Soprani |  Foto: Úrsula Ribeiro
A Polícia Civil prendeu, na última terça-feira (20), irmãos gêmeos que são acusados do assassinato do ativista e ex-candidato a vereador Jonas Soprani, de 48 anos.

Os irmãos foram presos durante uma operação no bairro Vila Merlo, em Cariacica. Os dois foram conduzidos para a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoas (DHPP), em Vitória, e, posteriormente, encaminhados para Linhares.

LEIA MAIS:

Ativista e ex-candidato a vereador é morto a tiros

Assassinato de ex-candidato a vereador pode ter motivação política, diz delegado

Assassinato: Ex-candidato a vereador deixou vídeo apontando suspeito

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS