X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Corpo de pastor foi transportado dentro de caixão antes de ser abandonado

O corpo de Carlos Alberto foi encontrado por moradores no início da manhã desta sexta-feira (29)

Redação Tribuna Online, com informações de Kananda Natielly e Clóvis Rangel / De Paula Comunicação | 29/07/2022 13:25 h

Carlos Alberto foi encontrado morto
Carlos Alberto foi encontrado morto |  Foto: Reprodução/Redes Sociais
 

Peritos da Polícia Civil constatou que, depois de ser assassinado, o pastor e dono de funerária Carlos Alberto Dias, de 55 anos, teve o corpo colocado dentro de um caixão e transportado no veículo do próprio estabelecimento, antes de ser abandonado dentro da garagem de uma casa, no centro de Marechal Floriano, na Região Serrana do Espírito Santo. 

O corpo de Carlos Alberto foi encontrado por moradores no início da manhã desta sexta-feira (29). Segundo a ocorrência policial, o corpo apresentava, inclusive, sinais de tortura. O registro policial informa que o pastor estava com três fitas plásticas amarrando seu pescoço e uma outra, amarrando os seus pés. 

O major Edinei Balbino de Souza, comandante da 6ª Cia Independente da Polícia Militar, disse que foram moradores que ligaram para o Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) informando que o corpo de um homem havia sido encontrado na rua.

O automóvel foi recolhido e o corpo levado para o Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro de Itapemirim. Nenhum suspeito foi preso até o fechamento desta matéria.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS