Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Após "saidinha do Dia das Crianças", 34 presos não retornam para a cadeia

| 15/10/2020 18:17 h | Atualizado em 15/10/2020, 18:45

Imagem ilustrativa da imagem Após "saidinha do Dia das Crianças", 34 presos não retornam para a cadeia
Dos 1.341 presos beneficiados no Espírito Santo com a saída temporária do Dia das Crianças, a conhecida "saidinha", 34 detentos não retornaram aos presídios.

De acordo com a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), os internos saíram no dia 7 de outubro, para passar a data comemorativa ao lado da família, mas deveriam ter retornado nesta quinta-feira (15).

Quem não retornar dentro do período estabelecido é considerado foragido e perde o direito às saídas caso seja recapturado.

De acordo com a Sejus, nesses casos, uma relação sobre eles é entregue às Varas de Execuções Penais e à Secretaria da Segurança Pública (Sesp) para que os órgãos tomem conhecimento e façam a emissão de novo mandado de prisão. Além disso, a informação é repassada à polícia, a fim de aumentar a chance de recaptura do foragido.

O benefício da ‘saidinha’ é concedido aos presos do regime semiaberto em todo País, está previsto na Lei de Execução Penal e é concedido pelo Poder Judiciário. São cinco saídas ao ano, sendo Dia das Mães, Páscoa, Dia dos Pais, Dia das Crianças, Natal e Ano Novo.

Dia dos Pais: 29 não voltaram

Em agosto, em função do Dia dos Pais, também foi concedido o benefício. Ao todo, 1.114 presos foram autorizados a deixar a cadeia temporariamente no Estado. No entanto, 29 não retornaram aos presídios.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS