search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Ministério da Saúde vai abrir 4.117 vagas

Notícias

Publicidade | Anuncie

Concursos

Ministério da Saúde vai abrir 4.117 vagas


O Ministério da Saúde vai abrir processo seletivo para contratar 4.117 profissionais de níveis médio/técnico e superior para atuar em órgãos federais de saúde do Rio de Janeiro em caráter emergencial.

Hospital Federal de Bonsucesso é uma das instituições onde os aprovados na seleção vão trabalhar (Foto: Reprodução/Internet)
Hospital Federal de Bonsucesso é uma das instituições onde os aprovados na seleção vão trabalhar (Foto: Reprodução/Internet)
A autorização do Ministério da Economia para a realização das contratações foi publicada no Diário Oficial da União e o edital deve ser divulgado nos próximos dias.

As chances serão para atuação temporária, em hospitais e institutos federais da capital carioca. A medida, segundo o governo, visa atender à demanda excepcional frente à pandemia do novo coronavírus.

De acordo com o ministério, serão ofertadas 1.137 vagas para médicos, 996 para enfermeiros, 865 para técnico em Enfermagem, 604 para atividades de gestão hospitalar e 515 para suporte em gestão hospitalar.

Os cargos de suporte e gestão ainda não foram detalhados pelo órgão, mas as chances serão para funções de níveis médio e superior, conforme detalhou a portaria de autorização.

As remunerações também não foram informadas. Na última seleção de grande porte para os hospitais federais do Rio de Janeiro, realizada em 2018, os salários chegavam a R$ 5.800.

Os contratos terão duração máxima de dois anos, de acordo com as necessidades dos órgãos federais. Os profissionais poderão ser contratados a partir deste mês para atender nas unidades dos hospitais federais Cardoso Fontes, do Andaraí, de Bonsucesso, da Lagoa, dos Servidores do Estado e de Ipanema e dos institutos nacionais de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), de Cardiologia e de Traumatologia e Ortopedia.

Caberá ao Ministério da Saúde determinar a distribuição das vagas entre os órgãos e a lotação dos candidatos aprovados.

A seleção deverá contar apenas com análise de currículo, considerando títulos e experiência profissional dos candidatos na função pretendida.

O déficit de servidores nos hospitais federais cariocas vinha sendo denunciada por órgãos como o Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro, que vinha solicitando contratações com urgência.


SAIBA MAIS


Edital sai nas próximas semanas

Temporários
- O ministério da saúde recebeu autorização para contratar 4.117 profissionais de níveis médio/técnico e superior para atuar em órgãos do Rio de Janeiro.
- Cargos: 1.137 vagas para médicos, 996 para enfermeiros, 865 para técnico em Enfermagem, 604 para atividades de gestão hospitalar e 515 para suporte em gestão hospitalar.
- Salários: até R$ 5.800.

Atuação
- Os profissionais vão atuar em caráter temporário nos hospitais federais Cardoso Fontes, do Andaraí, de Bonsucesso, da Lagoa, dos Servidores do Estado e de Ipanema e dos institutos nacionais de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), de Cardiologia e de Traumatologia e Ortopedia.
- Os contratos terão duração máxima de 2 anos.

Edital
- Com a autorização concedida, o edital deve ser publicado nos próximos dias.

Fonte: Ministério da Saúde.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados