search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Covid: Governo não altera horário do comércio nas cidades com risco moderado

Notícias

Publicidade | Anuncie

Coronavírus

Covid: Governo não altera horário do comércio nas cidades com risco moderado


Movimento no comércio na Avenida Expedito Garcia, em Campo Grande, Cariacica, durante a pandemia (Foto: Kadidja Fernandes - 06/05/2020)
Movimento no comércio na Avenida Expedito Garcia, em Campo Grande, Cariacica, durante a pandemia (Foto: Kadidja Fernandes - 06/05/2020)

Os comércios nas cidades com risco moderado para transmissão do novo coronavírus segue sem alterações no horário de funcionamento. O governador Renato Casagrande anunciou, no final da tarde desta sexta-feira (20), novas medidas restritivas para os municípios desse grupo. 

Entre as medidas está alteração no horário de funcionamento de bares e restaurantes, que podem abrir até as 22 horas, de segunda a sábado, e, no domingo, até as 16 horas. 

As novas medidas começam a valer nesta segunda-feira (23) quando passa a vigorar o novo mapa de risco, que traz as cidades de Vitória, Viana, Cariacica, Ecoporanga e Barra de São Francisco no grupo de risco moderado.

Nas versões iniciais do mapa de risco, os comércios nas cidades de risco moderado deveriam funcionar de segunda a sexta feira, limitado ao horário das 10h às 16h e, no sábado de 9h às 15h. Já o atendimento presencial nos shopping centers de segunda a sábado, com funcionamento limitado das 12h às 20h.

No entanto, esses estabelecimentos vão continuar com as regras definidas para o risco baixo, podendo funcionar sem restrições de horários e respeitando o distanciamento entre clientes, uso de máscara e higienização das mãos. 

"Na atividade do comércio, que tem um controle maior, um ambiente mais controlado, o proprietário do estabelecimento  e os trabalhadores podem e devem controlar esse ambiente com a quantidade de pessoas que entram, uso de máscara, distanciamento e higienização de mãos", explica ele sobre o motivo de não alterar regras de funcionamento. 

Já os bares e restaurantes, tiveram alterações no horário de funcionamento nas cidades que migram do risco baixo para o moderado. 

"Estamos estabelecendo uma limitação para bares e restaurantes porque é um ambiente que não se manteve controlado. As pessoas nesses locais, elas, naturalmente, precisam tirar as máscaras. Elas se alimentem, bebem, confraternizam e se aproximam mais e, de certa forma, falta esse cuidado para evitar o contágio", explica Casagrande.

De acordo com ele, a partir de agora, as regras podem sofrer alterações todas as semanas, junto com a publicação do mapa de risco das cidades, por conta do aumento no número de casos de Covid-19.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados