Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Covid: Navio em quarentena muda de lugar em porto

| 03/08/2021 17:50 h | Atualizado em 03/08/2021, 17:53

Navio está atracado no Porto de Capuaba, em Vila Velha
Navio está atracado no Porto de Capuaba, em Vila Velha |  Foto: Reprodução / TV Tribuna

Isolado desde a última semana, após 11 tripulantes testarem positivo para covid-19, o navio de bandeira dinamarquesa realizou manobra e mudou de posição no porto de Vitória. A mudança de lugar foi um pedido da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) e foi feita com autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). 

Em nota, a Codesa informou que o pedido de mudança de local da embarcação foi para desocupar o Cais de Paul, na margem de Vila Velha. O navio foi deslocado para o Cais Comercial de Vitória, no último sábado (31), após a tripulação finalizar a descarga de 20.900 toneladas de óleo diesel.

 A embarcação está isolada no porto desde o último dia 26, quando dois tripulantes precisaram ser hospitalizados após serem diagnosticados com covid-19. Exames foram realizados nos demais trabalhadores e nove deles também tiveram a infecção detectada, totalizando 11 dos 22 tripulantes com a doença. 

"Ninguém entra e ninguém sai do navio. Nove tripulantes cumprem quarentena nas cabines a bordo, enquanto dois seguem internados num hospital da Grande Vitória e apresentam quadros estáveis", informou a Codesa.

Apesar da bandeira de outro país, a companhia frisa que a embarcação não veio do exterior, mas do Porto de Santos (SP), e faz rota regular em Vitória, quando traz combustíveis. "Apesar de ter bandeira estrangeira, o navio é afretado por uma empresa brasileira, para serviço de cabotagem, ou seja, para navegação entre os portos nacionais", diz a nota.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS