X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Brasil

'Tentamos trabalhar a Educação, mas sempre está faltando alguma coisa', diz Lula

Presidente afirmou que os principais problemas estão no Ensino Fundamental e Médio


Imagem ilustrativa da imagem 'Tentamos trabalhar a Educação, mas sempre está faltando alguma coisa', diz Lula
"Há sempre um problema na Educação", diz Presidente Lula |  Foto: Agência Estado

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, disse nesta sexta-feira (26), que os principais problemas da Educação brasileira estão no Ensino Médio e no Ensino Fundamental. Afirmou, ainda, que, por mais que o governo trabalhe, "sempre está falando alguma coisa para fazer".

"Aqui no Brasil nós tentamos trabalhar a Educação e sempre está faltando alguma coisa para fazer. Todas as vezes que vimos entrevistas de especialistas, há sempre um problema da Educação. E muitas vezes os graves problemas estão no Ensino Fundamental e no Ensino Médio, sobretudo quando a gente descobre que muitas crianças continuam analfabetas no terceiro ou quarto ano da escola", afirmou Lula, na abertura de sua fala na coletiva de imprensa para apresentação das ações do governo na Educação, denominada "Brasil Unido pela Educação".

O presidente disse que, a partir do evento desta sexta-feira, vai começar a viajar pelo Brasil para colocar em prática os planos envolvendo a Educação.

O presidente está acompanhado dos ministros da Educação, Camilo Santana, da Secretaria de Comunicação Social (Secom), Paulo Pimenta, da secretária de Educação Básica do MEC, Kátia Schweickardt, e da primeira-dama Rosângela da Silva, conhecida como Janja.

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: