search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

VÍDEO | Redemoinhos de fogo assustam moradores de áreas de queimadas

Notícias

Publicidade | Anuncie

Cidades

VÍDEO | Redemoinhos de fogo assustam moradores de áreas de queimadas


A destruição causada pelo fogo na região do Pantanal traz imagens tristes e também chocantes. Uma das cenas que chamou a atenção foi a formação de redemoinhos de fogo, o que chocou moradores das áreas atingidas.

Em Goiás, nesta semana, um redemoinho de fogo surpreendeu quem passava pela Rodovia Santa Helena de Goiás. “Rapaz, eu nunca vi isso na minha vida!”, relatou o autor do vídeo que mostra uma queimada e o redemoinho se formando.

 

Um outro redemoinho de fogo foi registrado em Mato Grosso, em uma fazenda na região do Rio Piraim, em Barão de Melgaço (113 km da capital Cuiabá), na quarta-feira (9).

O vídeo foi gravado por um fazendeiro, que levou um susto. “Meu Deus do céu… Você já pensou seu mano! Cara, que que é isso. Meu Deus do céu”, diz uma das pessoas no vídeo.

Como se formam as espirais de fogo?

O fenômeno é raro e, segundo especialistas, o redemoinho se forma quando as chamas adquirem velocidade e criam um vórtice vertical, formando um tornado de fogo.

Ao G1, o especialista em climatologia Gilmar Oliveira explicou que eles se formam quando a superfície do solo atinge uma temperatura muito alta, geralmente acima de 35°C. Isso faz com que o calor da superfície se eleve e atinja uma camada mais fria, em torno de 0°C.

Ainda de acordo com Oliveira, os ventos dentro dos redemoinhos podem chegar a 100 km/h, principalmente, onde tiver acúmulo de vegetação seca. Ele ainda explica que não é possível prever onde o fenômeno irá se formar e recomenda que as pessoas não se aproximem para registrar imagens.

"Ele costuma levantar poeira, levantar objetos, e, às vezes, ele joga aquilo para longe", adverte.
 

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados