search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Veterinário é preso suspeito de abusar sexualmente de seis estagiárias

Notícias

Publicidade | Anuncie

Polícia

Veterinário é preso suspeito de abusar sexualmente de seis estagiárias


Um médico veterinário, de 57 anos, foi preso preventivamente por tentativa de estupro, importunação e assédio sexual, na manhã dessa quinta-feira (17), na Zona Norte de Manaus. As informações são do Portal Manaus Alerta. 

De acordo com a Polícia Civil, as vítimas do suspeito, foram seis jovens que estagiaram para ele, entre 2015 e 2020. 

A delegada responsável pela Delegacia Especializada em Crimes contra a mulher (DECCM), Andréa Rocha, explicou que as esquipes tomaram conhecimento do caso depois que uma jovem de 21 anos fez um Boletim de Ocorrência contra o acusado.

Na denúncia, a mulher informou que foi na clínica veterinária do acusado no dia 9 deste mês, a convite dele para trabalhar no local. Quando entraram no consultório, os dois começaram a conversar sobre o trabalho, mas, em determinado momento ele a puxou e tentou beijá-la a força, abaixou as calças e ainda passou as mãos nas partes íntimas dela. 

“Após formalizar a denúncia no 6° DIP, ela publicou o caso em uma rede social e ganhou repercussão, sendo assim, imediatamente apareceram outras cinco mulheres que relataram que haviam sido vítimas dele. Elas compareceram à DECCM e afirmaram que trabalharam como estagiárias do indivíduo, na ocasião em que ele cometeu os crimes. Os delitos registrados agora na delegacia, ocorrem desde 2015”, disse a delegada.

Andréa Rocha ainda destacou que o homem se aproveitava da posição de proprietário da clínica para cometer os crimes. “Em casos como este, é muito importante que as vítimas compareceram à unidade policial e formalizem a denúncia para tomarmos conhecimento e darmos andamento nas investigações”, frisou ela.

O suspeito foi indiciado pelos crimes de tentativa de estupro, importunação e assédio sexual e será levado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde passará por audiência de custódia e ficará à disposição da Justiça.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados