search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Venda de imóveis cresce 627% e empresas anunciam lançamentos

Notícias

Publicidade | Anuncie

Economia

Venda de imóveis cresce 627% e empresas anunciam lançamentos


Vista de Vitória: foram vendidos 80 apartamentos novos pelas construtoras em julho. Empresários dizem que Vila Velha e Serra também estão registrando aumento nas transações (Foto: Rodrigo Gavini — 13/06/2018)
Vista de Vitória: foram vendidos 80 apartamentos novos pelas construtoras em julho. Empresários dizem que Vila Velha e Serra também estão registrando aumento nas transações (Foto: Rodrigo Gavini — 13/06/2018)
Após anos de crise econômica, a venda de imóveis voltou a crescer, mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus. Somente em Vitória, a pesquisa Radar Imobiliário apontou que o crescimento de vendas pelas construtoras foi de 627,3%.

O sócio responsável pela Apex Investimentos Imobiliários, Marcelo Murad, explicou que há três anos uma equipe monitora a comercialização de unidades na capital.

Em julho foram feitas 80 vendas de apartamentos pelas construtoras em Vitória. Se comparado ao pior mês de 2020, que foi março, com apenas 11 vendas, o aumento foi de mais de 600%.

“Destacamos dois fatores para isso: o crédito imobiliário nunca teve tão barato. Além disso, temos uma melhoria do índice de confiança do consumidor”, afirmou Murad, que está expandindo o levantamento para outros municípios.

O advogado Diovano Rosetti, especialista em Direito Imobiliário, tem percebido um aumento de procura e propostas para aquisição de imóveis.

“Um motivo simples levou a isso: as pessoas estão dando maior valor ao imóvel onde residem, por passar mais tempo em casa. Somado a isso, as taxas de financiamento também estão atrativas, com juros bem menores. Estimula os compradores”, disse.

Já o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Espírito Santo (Sinduscon-ES), Paulo Alexandre Baraona, observa que o incremento nas vendas está presente também em outras cidades, especialmente em Vila Velha, que detém 50% da área imobiliária do Estado, seguido da Serra.

“O clima de lançamentos está muito bom, os imóveis voltaram a ter um atrativo muito grande para os investidores. A pandemia também gerou uma expectativa de um mercado de unidades maiores, ou seja, da pessoa comprar uma casa maior”, salientou.

Outra condicionante destacada por ele foi a taxa de juros. “Nunca teve um juro tão barato para comprar imóveis. Tudo isso gerou, de fato, um ambiente muito bom de negócio, o que é ótimo para a recuperação econômica do nosso Estado”, frisou.

Na capital, Baraona citou que os lançamentos concentram-se em maior volume em Jardim Camburi, Bento Ferreira e Jardim da Penha. Em Vila Velha, destaque para Itaparica, Itapuã e Praia da Costa. Já na Serra, na região Laranjeiras e Jardim Limoeiro.


ALGUNS LANÇAMENTOS


Edifício Veleiros

  • Localização: Praia da Costa, duas quadras do mar, em Vila Velha.
  • Apartamentos de 2 e 3 quartos. Lazer completo.
  • Obras: iniciadas no começo de 2021 e de entrega em 2024.
  • Valor: a partir de R$ 403.220(2 quartos) e a partir de R$ 602.360 (3 quartos).
  • Construção: Argo Construtora.
  • Residencial Argo Camburi
  • Localização: Jardim Camburi, em Vitória.
  • Unidades de 2 quartos com suíte e lazer com mais de 40 itens em dois pavimentos.
  • Obras: já foram iniciadas.
  • Valor: a partir de R$ 380.590.
  • Construção: Argo Construtora.

Crystal Blue

Crystal Blue está previsto para ser entregue em outubro de 2023 (Foto: Divulgação)
Crystal Blue está previsto para ser entregue em outubro de 2023 (Foto: Divulgação)

  • Localização: Praia do Canto, em Vitória.
  • São 36 apartamentos com 4 suítes. Lazer com salão de festas, lounge blue, salão gourmet, brinquedoteca, sala teen, fitness, sauna a vapor, espaço cook, pet place e outros.
  • Obras: a previsão de entrega é outubro de 2023.
  • Construção: Épura Construtora. Realização Opportunity Fundo de Investimento Imobiliário.

Ilha de Vancouver

  • Localização: Praia de Itaparica, em Vila Velha.
  • Apartamentos de 2 ou 3 quartos com suíte. Lazer com miniquadra, praça de vivência, fitness, playkids, além de home office, espaço pet, bike sharing e outros.
  • Obras: serão iniciadas neste semestre.
  • Realização: Kemp Engenharia.

Bella Vita

  • Localização: Morada de Santa Fé, em Cariacica.
  • Unidades de 2 e 3 quartos. Lazer completo, com piscina adulto e infantil, churrasqueiras, área kids com playground, quadra esportiva e bicicletário.
  • Realização: Construtora Épura.

Vista Jardim Condomínio-Clube

  • Localização: Jardim Limoeiro, na Serra.
  • Unidades de 2 e 3 quartos e também opções com quintal privativo.
  • Valor: a partir de R$ 147.500 (unidade de referência 205 B).
  • Realização: Morar Construtora.

Vista do Balneário Condomínio-Clube

Vista do Balneário: dois quartos em Carapebus, na Serra (Foto: Divulgação)
Vista do Balneário: dois quartos em Carapebus, na Serra (Foto: Divulgação)

  • Localização: Balneário Carapebus, na Serra.
  • Apartamentos de 2 quartos com opções de quintal privativo.
  • Valor: a partir de R$ 132 mil.
  • Realização: Morar Construtora.

Vila Regência (Torre)

  • Localização: Serra.
  • Total: 104 unidades (cozinha, sala, banheiro e dois quartos).
  • Valor: a partir de R$ 165 mil.
  • Realização: MRV.

Vila das Orquídeas

  • Localização: Serra.
  • Total: 204 unidades (cozinha, sala, banheiro e dois quartos).
  • Valor: a partir de R$ 138 mil.
  • Realização: MRV.
Fonte: Empresas citadas.

Alto padrão tende a valorizar

A falta de materiais nas lojas de construção por conta da queda na produção da indústria de alguns itens e o consumo elevado já tem puxado os preços de alguns imóveis e a tendência ainda é de aumento de preços.

Para o economista Eduardo Araújo, com o aumento da procura por imóveis residenciais, as unidades de alto e médio padrão podem ter uma valorização. Além das taxas de juros que ainda devem se manter em patamares mais baixos, um dos argumentos deve ser a estagnação dos preços dos imóveis nos últimos anos de recessão.

“Já para os imóveis mais populares isso não deve ter tanto peso, já que o desemprego ainda deve se agravar nos próximos meses e a classe média ainda deve ter a renda comprometida.”

Paulo Baraona é presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon-ES) (Foto: Divulgação)
Paulo Baraona é presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon-ES) (Foto: Divulgação)
O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Espírito Santo (Sinduscon-ES), Paulo Alexandre Baraona, disse que esse desabastecimento está virando “um problema sério” na construção civil de um modo geral”.

“A produção está muito baixa e o consumo está muito alto. Então, consumo alto, produção baixa, faltam materiais e aumento dos preços. É necessário que as indústrias voltem a produzir para haver esse equilíbrio”.

O advogado Diovano Rosetti, confirma que a tendência dos valores dos imóveis é de alta. A alta de valores, segundo ele, já está acontecendo com a diminuição da pandemia. “O valor do metro quadrado em Vitória, dependendo da localidade, para unidade habitacional residencial está na margem entre R$ 10 a R$ 15 mil.”

Antes da pandemia, ainda de acordo com ele, o metro quadrado variava entre R$ 8 mil a R$ 10 mil.

E os aluguéis, como ficam? Sobre isso, Diovano diz que os descontos já foram efetivados. “Não há mais desconto nos aluguéis. A contar desse mês de setembro, a grande maioria (90%) estará retornando aos patamares anteriores à pandemia”.

O economista Marcelo Loyola Fraga enfatizou a tendência das coisas voltarem ao normal, ou seja, para parâmetros do mês de fevereiro, pré-pandemia. “Nos aspectos econômicos em si, não haverá novo normal e sim um retorno ao ponto que estávamos.”

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados