search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Unidade de hipermercado é depredada durante protesto

Notícias

Publicidade | Anuncie

Polícia

Unidade de hipermercado é depredada durante protesto


Após a morte de João Alberto Freitas por seguranças de um Carrefour em Porto Alegre, manifestantes depredaram uma unidade da rede de hipermercados na noite desta sexta-feira (20) no bairro dos Jardins, em São Paulo.

O protesto, que foi convocado por coletivos do movimento negro por conta do Dia da Consciência Negra, começou de forma pacífica próximo ao Museu de Arte de São Paulo (MASP), e os manifestantes seguiram até a rede, que fica no térreo de um shopping.

Os manifestantes atiraram objetos e destruíram vidraças da fachada do hipermercado. Os seguranças chegaram a tentar impedir a entrada dos manifestantes, que invadiram e destruíram produtos no interior da loja. Os manifestantes atearam fogo dentro da unidade.

Os organizadores do evento chegaram a pedir que os manifestantes parassem com a depredação, mas protesto só foi encerrado após a chegada da Tropa de Choque.

20, 2020

Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados