search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

TSE adota “suspense americano” nas eleições
Terrence Saldanha

TSE adota “suspense americano” nas eleições

O lento marchar na apresentação dos resultados das eleições torna impossível não fazer um paralelo com a apuração dos votos nos Estados Unidos.

Nos acostumamos com a ideia de que a velocidade das urnas eletrônicas no Brasil era um novo fator de orgulho nacional (descontando o pessoal adepto das teorias de conspiração, claro).

Só um susto, com certeza. Nada se compara com aquele “too close to call” sem fim dos americanos.

A questão é saber o quanto os corações dos candidatos e seus cabos eleitorais podem suportar se isso vira rotina.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados