Login

Atualize seus dados

Trânsito

Trevo de Carapina vai reduzir tempo entre Serra e Vitória

29/12/2020 10:10:29 min. de leitura

Um dos principais gargalos do trânsito na região metropolitana, o Trevo de Carapina passará por obras que prometem reduzir o tempo de viagem entre os municípios da Serra e de Vitória. A região vai ganhar novas faixas, terá semáforos eliminados e contará com uma nova ligação entre as duas cidades.

A ordem de serviço foi assinada ontem pelo governador do Estado, Renato Casagrande. A empresa vencedora da licitação tem dois anos para concluir o serviço, que ficará por R$ 76,5 milhões. Por ser um contrato via Regime Diferenciado de Contratação, a empresa não pode interferir no prazo de entrega e nem solicitar aditivo no valor.

A melhoria vai acontecer na divisa dos municípios, desde o viaduto de acesso à Rodovia do Contorno (BR-101), na Serra, até a Avenida Fernando Ferrari, na capital. O trecho vai passar a ter três faixas em cada sentido, além de uma ciclovia em toda sua extensão.

“Vai facilitar o trânsito, melhorando aquele gargalo de Carapina. É uma obra importante para a mobilidade metropolitana”, afirmou o governador Renato Casagrande.

Outra grande novidade é que os semáforos que causam congestionamento serão eliminados, principalmente em frente ao Apart Hospital, onde a retenção é mais crítica.

Imagem ilustrativa da imagem Trevo de Carapina vai reduzir tempo entre Serra e Vitória
Reta do Aeroporto, divisa das cidades, próximo de onde vai ser feita obra: uma nova passagem será construída entre os dois municípios, por baixo da via Foto: Leone Iglesias/ AT

Com isso, uma nova passagem será construída entre os dois municípios, por baixo da Reta do Aeroporto, na altura do hotel Ibis. A empresa responsável pela obra ainda vai definir se será um túnel ou um viaduto.

Essa nova ligação terá início em uma via que será construída ao lado do hotel, e dará acesso à avenida João Palácio, próximo ao Shopping Mestre Álvaro, no Bairro de Fátima. Por essa passagem, será possível acessar bairros como Jardim Camburi, Bairro de Fátima e Eurico Salles, além de fazer o retorno.

“É um local em que temos um congestionamento diário. Vamos eliminar o semáforo de três tempos, fazer essa nova passagem e aumentar o número de faixas. Nas vias marginais, vamos manter para a urbanização, com ciclovia e calçadas mais largas”, ressaltou o secretário de Mobilidade e Infraestrutura, Fábio Damasceno.

Saiba mais

Obra

  • A obra vai acontecer nas divisas dos municípios da Serra e de Vitória, desde o viaduto de acesso à Rodovia do Contorno (BR-101), na Serra, até a Avenida Fernando Ferrari, na capital.
  • O prazo de entrega é de dois anos.
  • Os serviços custarão R$ 76,5 milhões e serão realizados pelo consórcio Trevo Carapina, empresa que venceu a licitação.

O que será feito
Ampliação

  • O trecho na divisa entre as cidades de Vitória e da Serra, que hoje tem duas pistas de cada lado, vai passar a ter três faixas em cada sentido após a obra.

Fim do semáforo

  • Os semáforos que causam congestionamento serão eliminados, principalmente em frente ao Apart Hospital

Nova ligação

  • Uma nova via será construída entre os dois municípios, por baixo da Reta do Aeroporto, na altura do hotel Ibis.
  • Ainda será definido se será um túnel ou um viaduto.
  • Essa ligação terá início ao lado do hotel, e dará acesso à avenida João Palácio, próximo ao Shopping Mestre Álvaro, no Bairro de Fátima. Por essa passagem, será possível acessar bairros como Jardim Camburi e Eurico Salles, além de fazer o retorno.

Fonte: Governo do Estado.