search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Tracker e Hilux entre os carros mais vendidos
Sobre Rodas

Tracker e Hilux entre os carros mais vendidos

Renovado, o Tracker  ficou em 10º lugar no ranking geral, ao alcançar 1.395 emplacamentos no mês (Foto: Assessoria General Motors)
Renovado, o Tracker ficou em 10º lugar no ranking geral, ao alcançar 1.395 emplacamentos no mês (Foto: Assessoria General Motors)

O Chevrolet Tracker e a Toyota Hilux foram os destaques de vendas no mês de abril, o primeiro a transcorrer integralmente sob o impacto da pandemia do novo coronavírus.

Embora o período atípico não permita dar o indicativo real do mercado, a relação dos carros mais vendidos em abril mostra que a nova geração do SUV compacto da Chevrolet já aparece entre os 10 veículos mais vendidos no Brasil (veja a lista completa no fim da matéria).

De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o modelo ficou em décimo lugar no ranking geral, ao alcançar a marca de 1.395 emplacamentos no mês, tornando-se também o veículo mais vendido do segmento.

O Jeep Renegade, com 1.155 vendas, ficou em segundo entre os SUVs, acompanhado de perto pelo irmão Compass, com 1.095.

Enquanto isso, a picape média da Toyota teve resultado ainda mais surpreendente ao assumir a ponta entre os comerciais leves, com 1.762 unidades negociadas.

A Hilux  assumiu a ponta entre os comerciais leves, com 1.762 unidades negociadas no período (Foto: Assessoria Toyota)
A Hilux assumiu a ponta entre os comerciais leves, com 1.762 unidades negociadas no período (Foto: Assessoria Toyota)
Tais números fizeram a Hilux saltar para o quinto lugar do ranking geral. Completam o pódio dos comerciais leves Fiat Toro (1.713) e Fiat Strada (1.630).

Na ponta da lista, o Chevrolet Onix segue reinando. Apesar de perder a liderança para o Hyundai HB20 nas primeiras três semanas de abril, o Onix se recuperou e foi o único carro a romper a barreira das 3.000 unidades vendidas.

Foram 3.619 emplacamentos, contra 2.873 do HB20, que terminou em segundo. O terceiro colocado foi o Chevrolet Onix Plus, com 2.223 vendas.

Entre os sedãs médios, o Toyota Corolla segue na liderança com 1.335 unidades emplacadas, quase o triplo do segundo colocado, Honda Civic, que teve 457.

A Fiat Strada segue na liderança entre as picapes compactas, com 1.630 unidades vendidas, mesmo que ainda não tenha sua nova geração disponível no mercado.

Vendas de veículos caem 76% no período, diz Fenabrave

A venda de veículos caiu 75,97% em abril na comparação com o mesmo mês do ano passado. Foram emplacados 55,7 mil carros, comerciais leves, caminhões e ônibus. Isso equivale a cerca de um quarto dos volumes mensais registrados antes da pandemia.

Pátio de fábrica lotado de carros (Foto:   Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Pátio de fábrica lotado de carros (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
O fechamento das lojas e a suspensão da produção no fim de março já se refletem também no resultado do quadrimestre.

Foram vendidos, de janeiro a abril, 613,7 mil veículos. Isso representa uma retração de 26,88% na comparação com os quatro primeiros meses de 2019.

No caso dos automóveis, a retração de abril em relação ao mesmo mês do ano passado chegou a 79%, com o total de 39,4 mil unidades.

A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), que representa os concessionários, informou que a falta de previsibilidade impede o setor de fazer novas projeções para 2020.

Indústria e revendedores apostavam, no início do ano, num crescimento de vendas internas entre 9% e 10%.

Os 50 carros mais vendidos em abril

  • Apesar de perder vendas  para o  HB20 nas primeiras  três semanas de abril, o Onix se recuperou e foi o único a  vender mais de 3 mil carros no mês (Foto: Assessoria General Motors )
    Apesar de perder vendas para o HB20 nas primeiras três semanas de abril, o Onix se recuperou e foi o único a vender mais de 3 mil carros no mês (Foto: Assessoria General Motors )
    1º Chevrolet Onix - 3.619 (unidades vendidas)

  • 2º Hyundai HB20 - 2.873 (unidades vendidas)

  • 3º Chevrolet Onix Plus - 2.223 (unidades vendidas) 

  • 4º Ford Ka - 1.842 (unidades vendidas)

  • 5º Toyota Hilux - 1.762 (unidades vendidas)

  • 6º Fiat Toro - 1.713 (unidades vendidas)

  • 7º Volkswagen Gol - 1.648 (unidades vendidas)

  • 8º Fiat Strada - 1.630 (unidades vendidas)

  • 9º Renault Kwid - 1.622 (unidades vendidas)

  • 10º Chevrolet Tracker - 1.395 (unidades vendidas)

  • 11º Toyota Corolla - 1.335 (unidades vendidas)

  • 12º Fiat Argo - 1.176 (unidades vendidas)

  • 13º Jeep Renegade - 1.155 (unidades vendidas)

  • 14º Chevrolet S10 - 1.100 (unidades vendidas)

  • 15º Jeep Compass - 1.095 (unidades vendidas)

  • 16º Volkswagen Saveiro - 1.090 (unidades vendidas)

  • 17º Ford Ranger - 1.070 (unidades vendidas)

  • 18º Volkswagen Polo - 1.065 (unidades vendidas)

  • 19º Renault Duster - 1.015 (unidades vendidas)

  • 20º Volkswagen T-Cross - 998 (unidades vendidas)

  • 21º Fiat Mobi -933 (unidades vendidas)

  • 22º Ford Ka Sedã -924 (unidades vendidas)

  • 23º Fiat Cronos - 862 (unidades vendidas)

  • 24º Nissan Kicks -785 (unidades vendidas)

  • 25º Hyundai HB20S - 702 (unidades vendidas)

  • 26º Volkswagen Virtus - 653 (unidades vendidas)

  • 27º Hyundai Creta - 615 (unidades vendidas)

  • 28º Ford EcoSport - 580 (unidades vendidas)

  • 29º Renault Sandero - 554 (unidades vendidas)

  • 30º Honda HR-V - 551 (unidades vendidas)

  • 31º Chevrolet Montana - 522 (unidades vendidas)

  • 32º Volkswagen Amarok - 515 (unidades vendidas)

  • 33º Nissan Frontier - 501 (unidades vendidas)

  • 34º Honda Civic - 457 (unidades vendidas)

  • 35º Toyota Yaris HB - 445 (unidades vendidas)

  • 36º Mitsubishi L200 - 432 (unidades vendidas)

  • 37º Volkswagen Voyage - 429 (unidades vendidas)

  • 38º Chevrolet Spin - 416 (unidades vendidas)

  • 39º Chevrolet Cruze Sedã - 403 (unidades vendidas)

  • 40º Renault Captur - 384 (unidades vendidas)

  • 41º Toyota Hilux SW4 - 371 (unidades vendidas)

  • 42º Renault Master - 351 (unidades vendidas)

  • 43º Toyota Yaris Sedã - 343 (unidades vendidas)

  • 44º Nissan Versa - 313 (unidades vendidas)

  • 45º Volkswagen Fox/Cross Fox - 313 (unidades vendidas)

  • 46º Toyota Etios HB - 309(unidades vendidas)

  • 47º Fiat Uno - 308 (unidades vendidas)

  • 48º Fiat Ducato - 299 (unidades vendidas)

  • 49º Renault Logan - 256 (unidades vendidas)

  • 50º Caoa Chery Tiggo 5X - 235 (unidades vendidas)

Fonte: Fenabrave.


Saiba Mais


  • Sem motivos para comemorações, a Chevrolet (10.008) completou 54 meses consecutivos no topo.

  • Na disputa pela vice-liderança, a Fiat (7.517) superou a Volkswagen (7.270) — a última vez que a empresa italiana havia superado a alemã foi em fevereiro do ano passado.

  • Quarta em março, a Ford (4.439) foi superada pela Toyota (4.792), com Hyundai (4.415) e Renault (4.237) bem próximas das duas.

  • Logo após a Jeep (2.262), oitava, a Nissan (1.730) conseguiu superar a Honda (1.500), uma das mais afetadas pela paralisação.

  • Somadas, as francesas Citroën (379) e Peugeot (230) venderam pouco mais de 600 unidades – a marca do leão, aliás, ficou atrás até da BMW (293).

  • A Volvo (208), em 17ª, foi quem menos perdeu espaço sobre 2019, mesmo tendo queda superior a 60%.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados