search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Todos estão preparados para a Lei Geral de Proteção de Dados?
Tribuna Livre

Todos estão preparados para a Lei Geral de Proteção de Dados?

É notório que a pandemia apressou os processos de transformação digital e ampliou a virtualização das relações sociais. Neste contexto de massificação das interações pelo ciberespaço desponta de forma premente a relevância de um marco normativo como a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que constrói uma nova era para a conformidade na utilização dos dados que trafegam exponencialmente pela internet ou se encontram fisicamente arquivados em estabelecimentos públicos ou privados.

Com a vigência dos regramentos prescritos na LGPD espera-se coibir os desvios praticados no tratamento das informações dos indivíduos, além de harmonizar os preceitos da legislação aos referenciais normativos praticados mundo afora por nações desenvolvidas e organismos internacionais.

Uma das virtudes da efetividade legal é a conscientização dos riscos inerentes à captação indevida de dados pessoais, e a consequente responsabilização por condutas que violem a intimidade, a liberdade, e o desenvolvimento da personalidade.

Assim, caminhamos para a consolidação de um ciberespaço diverso do paradigma de terra sem lei.

Se por um lado, temos a promoção de um contexto protetivo para os indivíduos, em outro, surgem algumas questões inescapáveis para aqueles que irão controlar essas informações: As organizações que armazenam e tratam dados pessoais estão preparadas? Como é realizada a coleta de informações de clientes? Como protegem os dados sensíveis dos funcionários? Como proceder em caso de vazamento?

Diante de tais indagações é indispensável que os gestores viabilizem uma minuciosa análise de risco sobre os dados que armazenam, de modo a apontar as vulnerabilidades que demandam maior atenção para segurança de seu público interno e externo.

Tal planejamento além de estratégico é essencial para a conformidade, uma vez que irá assegurar a aplicação de melhores práticas na proteção da informação.

Com o cenário atual de massiva valoração econômica dos dados pessoais, é fundamental que as empresas internalizem em sua cultura o comprometimento com o compliance, e promovam uma transformação que concilie a utilização estratégica e o respeito à privacidade. É certo que o desafio será ainda maior para as pequenas empresas, no entanto não há outro caminho que não seja pelo aprimoramento de seus procedimentos.

Embora a aplicação de sanções tenha sido postergada para 2021, a imediata adaptação aos requisitos da LGPD demonstrará o compromisso da organização em tornar preventivo o monitoramento dos riscos que poderiam causar impactos em sua governança.

Uma gestão comprometida com a proteção de dados pessoais é aquela que busca avaliar suas vulnerabilidades de forma proativa, resguardando sua reputação, protegendo o valor financeiro e estratégico de suas informações, de modo a efetivar um planejamento que promova as melhores práticas de conformidade legal. Pois, como bem alertou Paul McNulty: “Se você pensa que compliance é caro, experimente não atendê-lo”.

BRUNO AGUILAR SOARES é auditor fiscal do Estado.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

Número de candidatos mortos é verdadeiro atentado à democracia

A maioria de nós tem acompanhado o desenrolar das eleições municipais no Brasil. Alguns com mais entusiasmo, outro com menos, mas a maior parte está interessada em saber quem serão os responsáveis …


Exclusivo
Tribuna Livre

Da naturalização do existir à vida como invenção

Diante de inúmeras e crescentes barbaridades que irrompem no cotidiano, debate-se: a vida é assim mesmo ou a vida é assim porque ela assim se sustenta? Opõem-se, evidentemente, a naturalização do …


Exclusivo
Tribuna Livre

O propósito da Black Friday e o que ela se tornou

Afinal de contas, de onde surgiu e o que seria a Black Friday, recente no Brasil mas tão comentada nos últimos meses dos anos? Ela tem origem nos EUA e surgiu para abrir a temporada de compras …


Exclusivo
Tribuna Livre

Estado vai registrar mais de 11 mil casos de câncer este ano

Sexta-feira, 27 de novembro, é celebrado o Dia Nacional de Combate ao Câncer, data criada pelo Ministério da Saúde em 1988 para ampliar o conhecimento da população sobre a prevenção à doença. De …


Exclusivo
Tribuna Livre

As eleições de 2020 e o futuro da representatividade

Passaram as eleições e acredito que a nossa democracia deve se dizer em festa, pois todo momento democrático merece ser celebrado. Democracia é a arte de fazer a sociedade representada nos ambientes …


Exclusivo
Tribuna Livre

A escola de educação infantil e a pandemia do novo coronavírus

A quarentena e, consequentemente, o isolamento social, afetaram diversos setores, entre eles o educacional, seja a rede pública – município, estado e União – ou privada. Nesse contexto, vimos nossas …


Exclusivo
Tribuna Livre

A pandemia do novo coronavírus, o trânsito e a coletividade

Muito se fala sobre as lições que a pandemia nos trouxe e, de fato, tanta dor, sofrimento e incerteza permitem uma série de reflexões sobre nosso comportamento como indivíduos e como sociedade. …


Exclusivo
Tribuna Livre

Novembro Azul: evolução no combate ao câncer de próstata

Sociedades de Urologia pelo mundo afora recomendam a realização de exames para detecção precoce do câncer de próstata e, no mês de novembro, nós lembramos a comunidade da importância disso. A …


Exclusivo
Tribuna Livre

A pandemia e a violência contra a mulher no Brasil

Os “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres” começa na próxima quarta-feira (dia 25), quando se comemora o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, e …


Exclusivo
Tribuna Livre

Prioridades para novos gestores vão além de apenas administrar

A disputa eleitoral já passou, portanto, sabemos temos definida parte dos próximos gestores municipais. Como faz parte do jogo democrático alguns ganham e outros perdem, que essa lógica seja …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados