search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Teste em terminal do Transcol revela família com Covid-19

Notícias

Publicidade | Anuncie

Coronavírus

Teste em terminal do Transcol revela família com Covid-19


Com resultados em até 15 minutos, os testes para detectar a Covid-19 no Terminal de Jardim América, em Cariacica, já identificaram, pelo menos, 50 casos positivos da doença.

Entre eles, de uma família de quatro pessoas, em que todos tiveram a Covid detectada, segundo revelou o gerente estadual de Vigilância em Saúde, Orlei Cardoso.

A testagem nos terminais do Transcol começou na última sexta-feira em Jardim América e está sendo feita a partir do meio-dia até as 20h. Amanhã, o Terminal de Laranjeiras, na Serra, também vai começar a ofertar os chamados testes de antígeno, que detectam a doença na fase aguda, com resultados em 15 minutos.

Passageiros são atendidos em terminal para realização do teste de Covid. Em 3 dias, 442 pessoas fizeram o exame (Foto: Beto Morais/ AT)Passageiros são atendidos em terminal para realização do teste de Covid. Em 3 dias, 442 pessoas fizeram o exame (Foto: Beto Morais/ AT)

“Somente no Terminal de Jardim América, em três dias, foram 442 pessoas testadas, com 50 casos positivos. Entre elas, uma família, que chegou de condução própria ao terminal e entrou na fila para fazer o teste. Eles estavam sintomáticos e todos testaram positivo”.

O gerente relatou que um casal também teve resultado positivo.

“Há situações de pessoas sem sintomas que estão circulando nos ônibus e descobrem que estão com a doença. Outros estão com sintomas brandos que se assemelham a gripes ou outros quadros respiratórios, comuns desta época. A testagem permite interromper a circulação da doença”, frisou.

No caso das pessoas que testam positivo, Orlei Cardoso explicou que os técnicos e enfermeiros fornecem uma máscara de alto poder filtrante para cada um e disponibilizam condução para casa ou a serviços de saúde, caso precisem.

“Esses pacientes que testam positivo são orientados a buscar o serviço de saúde para acompanhamento”, disse. Ele explicou ainda que a testagem nos terminais é voltada, principalmente, para pessoas que estão circulando nos ônibus e que desejarem fazer o teste, estando com sintomas ou não.

“Tem pessoas que entram no terminal só para fazer o exame. Não negamos, mas, para eles, a orientação é que procurem as unidades de saúde, que também disponibilizam os testes de antígeno”.

Ampliação

Além do Terminal de Laranjeiras, que começará a fazer os testes amanhã, um terminal de Vila Velha também passará a realizar os exames na próxima semana, segundo o gerente.

“Temos, principalmente após as 17 e 18 horas, grande procura pelos testes. Até o final de junho, teremos em três terminais, com possibilidade de ampliar a testagem para os demais. Estamos avaliando também aumentar o horário naqueles em que já está disponível”.

A reportagem acompanhou, na tarde de quarta-feira (23), alguns testes realizados. Todos deram negativo.


PASSAGEIROS FAZEM EXAME


Sintomas de gripe

Com sintomas gripais, como tosse, dor de cabeça e febre, o pedreiro Jailson José dos Santos, de 47 anos, saiu de Barramares, em Vila Velha, só para fazer a testagem no Terminal de Jardim América, Cariacica.

Jailson contou que precisou fazer o teste para voltar ao trabalho.

“Eu estava no serviço e a técnica de segurança não me deixou trabalhar porque eu estava muito gripado. Para não correr o risco de contaminar outras pessoas, ela pediu para eu fazer o teste. Deu negativo”, relatou o pedreiro.

Curiosidade

Há também quem faça o teste contra a Covid só por curiosidade, como foi o caso da doméstica Benedita da Penha, de 60 anos, cujo resultado deu negativo.

Embora já tenha tomado a 2ª dose da vacina desde o mês passado, Benedita, que, normalmente, salta no Terminal de Itacibá, decidiu descer em Jardim América ontem para fazer a testagem.

“Eu sou muito curiosa. Depois que minha filha disse que fez, eu decidi fazer também”, contou a doméstica.

Resultados deram negativo

Com sintomas de gripe há cinco dias, a família Pimentel decidiu fazer o teste para verificar a necessidade de manter o isolamento. Segundo a mãe e dona de casa Flávia Santos Pimentel, só ontem, eles fizeram duas testagens.

“Acabamos de sair do laboratório, mas o resultado só sai dia 28. Como esperar tantos dias para ter certeza se toda a família está ou não com Covid? Por isso, decidimos vir até aqui, já que o resultado sai em 15 minutos”.

Flávia, o marido Fernando, 40 anos, e os filhos Caio, 13, e Luiz, 3, testaram negativo. Agora, a expectativa da Flávia é receber a vacina.