search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Suspeito de enviar drogas pelos Correios é preso pela Polícia Federal

Notícias

Publicidade | Anuncie

Polícia

Suspeito de enviar drogas pelos Correios é preso pela Polícia Federal


Materiais apreendidos na casa do investigado (Foto: Divulgação/ Polícia Federal)
Materiais apreendidos na casa do investigado (Foto: Divulgação/ Polícia Federal)

Um morador de Venda Nova do Imigrante, na região Serrana do Estado, foi preso em casa na manhã desta sexta-feira (13), por policiais federais. De acordo com a Polícia Federal (PF), o suspeito, de 29 anos, é investigado por tráfico interestadual e usaria os Correios para enviar as drogas para os outros estados. 

O suspeito, que não teve o nome divulgado pela PF, tinha um mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas e foi preso por policiais da Delegacia de Repressão ao Tráfico de Drogas (DRE), no âmbito das ações do Programa Nacional de Enfrentamento à Criminalidade Violenta - PNECV (“Em Frente, Brasil”).

De acordo com a PF, a operação foi batizada como Rastreamento e as investigações tiveram início em 11 de outubro deste ano. Nesse dia, a polícia apreendeu uma encomenda postada pelo investigado na agência dos Correios de Itacibá, em Cariacica. Dentro do embrulho, havia maconha. 

Segundo a PF, o investigado usou nome falso para postar a encomenda, mas a partir da análise de vários dados e realização de exames periciais, foi possível rastrear e identificar sua verdadeira identidade.

A polícia informou que o uso do serviço postal para envio de drogas se tornou uma estratégia adotada por traficantes, mas os Correios e a Polícia Federal voltaram sua atenção a esse modus operandi, sendo essa segunda operação dessa natureza deflagrada nos últimos meses.

"A entrega de encomendas pelo serviço postal ou por outras transportadoras permite ao traficante e ao comprador rastrearem a encomenda até o destino", informou a PF.

Além de cumprir o mandado de prisão, os policiais ainda cumpriram um mandado de busca e apreensão na casa do suspeito. Na residência do investigado, foram encontradas uma pequena quantidade de haxixe e materiais para consumo de maconha.

Após ser ouvido, o preso será encaminhado ao Departamento Médico Legal (DML), em Vitória, para os exames de praxe e, após, será conduzido ao Centro de Detenção Provisória de Viana 2 (CDPV 2).

A pena para o tráfico de drogas varia de 5 a 15 anos de reclusão, com aumento de um sexto a dois terços por se tratar de tráfico interestadual.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados