search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Sitiada
Painel da Folha de São Paulo

Sitiada

Além da ofensiva do PGR, a Lava a Jato deve sofrer novo golpe em breve. O relator de um dos casos de Deltan Dallagnol vai defender que o procurador seja removido da força-tarefa de Curitiba.

Um dos seus argumentos será a polêmica criação da fundação com o dinheiro da Petrobras.

No voto, Luiz Fernando Bandeira, integrante do Conselho Nacional do Ministério Público, vai deixar de lado a Vaza a Jato e as palestras, o que pode facilitar o consenso com demais membros do órgão pelo afastamento.

á ok
O relator vai defender que as palestras remuneradas do procurador são atividades lícitas e as mensagens reveladas pelo Intercept Brasil, que sugerem relação de proximidade indevida com o ex-juiz Sergio Moro, são provas nulas.

Histórico
O caso em questão teve início com uma representação da senadora Kátia Abreu (PP-GO), que pediu a abertura do chamado “procedimento de remoção por interesse público”. A parlamentar solicita que Deltan seja mudado de departamento no Ministério Público – não é, portanto, uma medida disciplinar (há 19 processos nesse sentido ainda para serem analisados).

Liberado?
Advogados e ministros do STF ouvidos pelo Painel dizem avaliar, inicialmente, que a iniciativa de criar uma quarentena para juízes que queiram se candidatar não valeria para Sergio Moro. Isso porque, pela Constituição, uma nova lei não pode prejudicar um direito já adquirido, ou seja, o direito que o ex-ministro da Justiça tem hoje de concorrer em eleições.

Papel
“De início sim (a lei valeria para aqueles que ainda estivessem na condição de juiz). Só que os tempos são estranhos. Vale lembrar que ato normativo é editado para apanhar situações jurídicas a ele posteriores. A lei penal retroage, mas apenas quando mais favorável ao réu”, afirmou o ministro do STF Marco Aurélio Mello, questionado sobre o tema sem menção de nomes.

Bico...
O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) deu um tempo da internet. Ele não escreve há 18 dias. O silêncio coincide com o acúmulo de operações e denúncias envolvendo seus companheiros de partido, o ex-senador José Serra e o ex-governador Geraldo Alckmin.

...fechado
A última vez que FHC ficou ausente por mais tempo do Twitter foi entre dezembro e janeiro, 29 dias. Desde então, aquietou-se apenas por menos de 18 dias.

Pensador
Luciano Bivar (PE), presidente do PSL, defende que é preciso “resgatar ideais do iluminismo do século 18 da França para o Brasil do Século 21” com a criação de um “bloco iluminista” no Congresso. Ele diz que PSL, PSC, PTB, PROS e outros estão interessados na formação do grupo, que promete “adotar comportamento dirigido pelas luzes da razão”.

Luzes
O início do movimento, porém, já apresenta uma contradição. Bivar diz em artigo que “os pontos inabaláveis desse grupo de líderes repousam na defesa e no respeito às instituições do país”. O presidente do PTB, Roberto Jefferson, no entanto, é um dos principais defensores de que Bolsonaro radicalize ainda mais o discurso e a ação.

Trevas
Ex-aliado de Collor e condenado no mensalão, o petebista já apareceu em fotos segurando um fuzil e defendendo que o presidente “demita” os 11 ministros do STF, ação que não encontra amparo na Constituição. Ele também ignora a ciência em questões do Covid-19.

Pode ficar
A Justiça Federal suspendeu o confisco de 107 respiradores que a Receita Federal havia imposto ao governo do Maranhão. Em abril, a gestão Flávio Dino (PCdoB) driblou o órgão para evitar que fossem retidos pela União, em operação com escala na Etiópia, como mostrou o Painel.

Conta própria
O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, afirmou que não foi procurado por Marcelinho Carioca antes que o ex-atleta decidisse posar para fotos com Bolsonaro vestindo camisa do time. Ex-deputado pelo PT, Sanchez disse ao Painel que Marcelinho não tem relação formal com o clube.

Papo reto
“Você acha que o Marcelinho ia perguntar para mim? Brincadeira. Ele não é contratado nem funcionário do clube. Ex-jogador e torcedor compra camisa e faz o que bem entender”, afirmou.


Tiroteio
“Parece que o deputadozinho que queria ser embaixador não leu a Constituição. O pior é que manda no chanceler acidental e submisso”
De Paulo Roberto de Almeida, diplomata, sobre “intromissão” de Eduardo Bolsonaro na eleição dos EUA e sobre Ernesto Araújo.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Imagem

Em dois meses, o Meio Ambiente destravou cerca de R$ 530 milhões que estavam parados há um ano e meio à espera de definições do ministro Ricardo Salles. A verba foi para o BNDES e deve financiar …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Na torcida

Celso Russomanno (Republicanos) tem um incentivador improvável na tentativa de atrair Jair Bolsonaro para sua campanha à prefeitura: Bruno Covas (PSDB). Apoiadores do tucano têm dito que o endosso …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Mensagem

O primeiro ato do ministro Luiz Fux como presidente do Conselho Nacional de Justiça gerou reclamações de colegas da corte, de advogados e de entidades ligadas aos Direitos Humanos, que viram na …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Ao vento

Insatisfeito com o veto de Jair Bolsonaro a projeto de lei que perdoava dívidas de instituições religiosas com o fisco, o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) afirma que três dias antes o presidente …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Corrida com barreiras

O Twitter vê a atual versão do projeto de lei sobre fake news que tramita na Câmara como ameaça à competição no mercado das redes sociais e à internet aberta. Segundo Fernando Gallo, gerente de …


Painel da Folha de São Paulo

Como será o amanhã

Ao custo de mais de 130 mil vidas, a pandemia da Covid-19 expandiu a rede hospitalar do SUS em tempo recorde, segundo secretários de Saúde. O número de leitos de UTI mais que dobrou, por exemplo, em …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Voar, voar

A definição do nome do vereador Ricardo Nunes (MDB) como vice na chapa de Bruno Covas (PSDB), que busca a reeleição ao cargo de prefeito de SP, envolve, na expectativa dos tucanos, uma articulação …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Fila

Depois do arroz, o Ministério da Economia enviou pedido de informações a diferentes setores produtivos para identificar aumentos de preços. A pasta quer saber se há pontos de estresse em cadeias, …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Destino

Os arquivamentos da delação de Sérgio Cabral (MDB) são considerados fortes indicativos de qual deve ser o futuro da operação deflagrada contra advogados ontem, no Rio. Algumas das histórias que …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Vivos

O PT quer aproveitar o embalo do discurso do ex-presidente Lula no Sete de Setembro para lançar seu programa de reconstrução do País no pós-pandemia. O documento, elaborado ao longo de três …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados