search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Sem Bolsonaro, espaço para Guedes e Doria
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Sem Bolsonaro, espaço para Guedes e Doria

Empresários, gente de mercado e políticos brasileiros, inclusive ligados diretamente ao governo, comemoraram a decisão de Jair Bolsonaro de não ir a Davos.

O motivo? A agenda negativa das “caneladas” e do meio ambiente acompanharia o Presidente até o Fórum Econômico Mundial e poderia ofuscar as conquistas mais valiosas do primeiro ano de mandato: sinais de recuperação econômica e reforma da Previdência. Sem o chefe, o voo solo de Paulo Guedes na Suíça tem mais chances de atrair atenção de investidores e de fugir de turbulências.

Fatura. No ano passado, Bolsonaro prometeu em Davos compatibilizar crescimento econômico com preservação ambiental. Porém, enfrenta desgaste internacional por causa das queimadas na Amazônia.

Faria Limers. Distante dos perrengues ambientais do governo, Guedes deve ficar mais à vontade para apresentar números relativos ao emprego e falar da redução de juros como sinal de estabilidade econômica, o que interessa por lá.

Deixa... João Doria também deverá ocupar parte do espaço deixado vago por Bolsonaro em Davos. O governador de São Paulo será conferencista pela terceira vez consecutiva no fórum.

...comigo. Além da agenda do fórum, Doria marcou vários encontros “one by one” com empresários e fundos de investimento. O foco será nos programas de concessão do Estado.

Bem na fita. A secretária de Desenvolvimento Econômico do Estado, Patrícia Ellen, é destaque na enxuta comitiva do governador.

Longe... Aliados de Sérgio Moro acham que a tentativa de filiá-lo ao Aliança pelo Brasil está mais para pensamento mágico neste momento do que vontade real do ministro da Justiça.

...de mim. Lembram que ele já manifestou incômodo em momentos em que teve seu nome ligado a partidos. Além disso, ainda é cedo para a questão, dizem.

Xi... A reunião definitiva entre representantes do Brasil e do Irã não deve ser retomada tão cedo. O embaixador do País em Teerã, Rodrigo Azevedo, está afastado por motivos médicos.

Click. Marcel Van Hattem (Novo) interrompeu seu recesso para ciceronear o deputado holandês Achraf Bouali por Brasília. Ele está no País para estudar português.

Sem like. A série de recomendações feitas pelo TCU à Câmara e ao Senado para que reduzam os gastos com parlamentares não foi bem recebida por Rodrigo Maia.

Comparação. Dados da Secretaria de Orçamento Federal mostram que, entre 2016, quando o teto de gastos foi instituído, e 2019, as despesas do TCU aumentaram em velocidade superior às da Câmara dos Deputados: 14,4% ante 11,3%.

Olha no espelho. “O TCU, além de fazer as ponderações que faz, podia também fazer uma análise das suas próprias contas. Acredito que, do ponto de vista do gasto global, a Câmara tem tido preocupação melhor que a do próprio TCU”, disse Maia à Coluna.

A ver. Apesar do desagrado, Maia afirmou que a Casa analisará as recomendações para ver o que é correto e passível de mudança.

Para entender. O TCU recomendou que Câmara e Senado revejam despesas e reforcem a fiscalização sobre os gastos e aumentem a transparência. As recomendações têm como base denúncias feitas em 2013 pelo site Congresso em Foco.

Pronto, falei!

Sobre a suspensão da censura ao Porta dos Fundos

"Foi previsível. Que maluquice a liminar (do desembargador do RJ) no que alcançou contornos de censura”.

Marco Aurélio Mello, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF)

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

Guedes vira antítese de Moro e de Mandetta

Militares do governo auxiliares diretos de Jair Bolsonaro se dizem bem impressionados com Paulo Guedes. Acham que o comportamento do ministro, mesmo com o cheiro do óleo quente cada vez mais …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Sinal amarelo nas eleições municipais

Analistas políticos, dirigentes partidários, autoridades da Justiça e candidatos começaram a ficar preocupados com a campanha eleitoral deste ano no País. Os três principais fatores: a pressão …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Parecer indica brecha para eleição das Casas

Até adversários de Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre viram na manifestação da AGU sobre a ação questionando a reeleição para o comando da Câmara e do Senado um atalho para a dupla do DEM se manter no …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Setor de eventos ainda esquecido por governos

Apesar de representar 5% do PIB nacional e empregar mais de 12 milhões de profissionais diretos e indiretos, o mercado de eventos está abandonado pelo poder público. Paralisado desde março e sem …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Renovação ainda em alta, indica pesquisa

A dois meses do primeiro turno das eleições, partidos tentam se balizar em um cenário de incertezas. Pesquisa realizada pelo Instituto Locomotiva, em parceria com a escola de formação do …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Celso Russomanno e a agenda de Bolsonaro

Jair Bolsonaro apresentou uma agenda básica a Celso Russomanno para a eleição na capital paulista. O presidente gostaria de ver o deputado do Republicanos, se ele mantiver a decisão da candidatura …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Pauta verde ainda fora das eleições municipais

No momento em que o debate ambiental e sustentável cresce no mundo e pressiona o Brasil, a pauta verde, por enquanto e infelizmente, está fora das prioridades da maior parte dos candidatos nas …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Fux mantém controle sob juiz das garantias

Antes de tomar posse na presidência do Supremo, Luiz Fux determinou a inclusão em pauta das ações diretas de inconstitucionalidade (Adins) referentes ao juiz das garantias, bandeira da advocacia, …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Os alicerces para a candidatura de Doria

A escolha do vereador emedebista Ricardo Nunes para ser o vice de Bruno Covas na eleição deste ano em São Paulo finca alicerces para a construção da aliança entre PSDB, MDB e DEM em torno da …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Luiz Fux: Lava a Jato e “sentimento” do povo

Para além das frases salutares, porém, muitas vezes óbvias e obrigatórias (a defesa da democracia e da independência entre os Poderes), o discurso de Luiz Fux ao tomar posse na presidência do Supremo …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados