search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Se não mexe nos preços, deveria mexer nos custos
Cláudio Humberto
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto


Se não mexe nos preços, deveria mexer nos custos

O presidente Jair Bolsonaro já reiterou que não vai interferir na política de preços da Petrobras, mas, como representante do acionista majoritário da estatal, agora sob nova direção, deveria interferir em seus custos faraônicos, determinantes no assalto ao bolso do consumidor.

Os brasileiros pagam sem saber truques que multiplicam salários dos 52 mil funcionários da Petrobras. Os salários chegam R$107 mil mensais, sem contar os penduricalhos. É o triplo do salário do presidente da República.

Truques malandros
Além da suposta cotação internacional, impacta no custo do combustível os bilhões gastos dos truques para aumentar salários na Petrobras.

Chega a ser revoltante
Os privilégios listados em relatório da Secretaria de Desestatização do Ministério da Economia nas estatais como Petrobras provocam repulsa.

Regalias triplicadas
Na Petrobrás, os valores somados de “auxílios” (babá, creche, cuidador, alimentação, refeição etc) acrescentam quase R$3 mil aos salários.

Plano de saúde é acinte
Um dos mais caros privilégios do pessoal da Petrobras, a “assistência à saúde”, soma mais de R$2,3 bilhões por ano bancados pelo brasileiro.

Pesquisa: ex-detentos não amedrontam população
Levantamento nacional do Paraná Pesquisas exclusivo para o site Diário do Poder e esta coluna perguntou a mais de 2 mil brasileiros se eles se sentem seguros ao saber que esta´ sendo atendido por ex-presidia´rio. Do total, 58,1% responderam “sim” e 35,2% afirmam não se sentir seguro diante dessa situação. Outros 6,7% preferiram não opinar. O instituto fez a pesquisa nos 26 estados e Distrito Federal, entre 8 e 12 deste mês.

Insegurança
Na faixa etária acima dos 60 anos, a maioria sente-se segura, mas só para 50,1%, a menor de toda a pesquisa. São 42,3% os inseguros.

Segurança
No Sul, o índice de pessoas que se sentem seguras sendo atendidas por um ex-presidiário é a maior entre as regiões do País: 61,1%.

Depende da idade
Entrevistados na faixa etária de 25 a 34 anos são os mais seguros de todo o levantamento: 63,5% dizem sentir-se seguros com ex-presidiário.

Igualando-se ao algoz
Sobre a prisão do deputado, Mansour Karmouche, presidente da OAB-MS adverte: “Hoje é um parlamentar da direita, amanhã pode ser da esquerda, ou o jornalismo pode ser vítima disso”. Para ele, a ordem de prisão “iguala o STF ao seu algoz”, que defende o AI-5 e o autoritarismo.

Boa notícia
O Brasil supera nesta segunda (22) a marca de 7 milhões de vacinados contra o coronavírus, o que equivale a quase 10% de todos nos grupos prioritários (77 milhões). É o 6º país que mais vacina em todo o mundo.

Exemplo mundial
Única democracia no Oriente Médio, Israel dá show na campanha de vacinação contra Covid-19. É, de longe, o país que mais imunizou seus habitantes. Até semana passada, 82% dos 9 milhões de habitantes.

Dr. Losekan
Um dos mais admirados jornalistas do País, Marcos Losekan agora é advogado. Sua formatura no fim de semana foi virtual, como recomendam os tempos atuais, mas muitíssimo prestigiada.

Discrição atípica
A política tomou os holofotes, na última semana, mas Bolsonaro ficou fora disso. Segundo o Google Trends, que avalia o interesse de busca na internet, o do presidente está no menor nível dos últimos 12 meses.

Data triste
Completa 23 anos nesta segunda-feira o desabamento do edifício Palace II, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, que resultou na morte de oito pessoas. Foi construído pela Sersan, do ex-deputado Sérgio Naya.


Retomada
O site especializado norte-americano Simple Flying comemorou os baixos preços de passagens aéreas para o Brasil, a partir de outubro. “Boa: Brasil por menos de US$450 (R$ 2,4 mil) ida e volta”.

Página que se vira
A atenção ao episódio do deputado Daniel Silveira e à demissão do presidente da Petrobras, no final da semana passada, pelo menos demonstram que a pandemia já não monopoliza as atenções.

Pensando bem...
...sessão numa sexta à noite na Câmara é como o cometa Halley, uma vez a cada geração.

Poder sem pudor

Filósofo comunista
Professor de Filosofia no Recife, Pessoa de Moraes foi chamado para depor no DOI-Codi, logo após o golpe de 1964, para explicar sua posição algo esquerdista. A primeira pergunta foi sobre a sua visão da doutrina
marxista. Morais falou durante quase uma hora. A segunda resposta levou trinta minutos. A terceira, sobre o que achava do “momento político”, ele atacou: “Como diria o filósofo alemão Kierkegärd...” O oficial, exausto, jogou a toalha: “Dr. Pessoa, o senhor está dispensado.”

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Cláudio Humberto

Pesquisa: 70% não querem direito a escolher vacina

Levantamento exclusivo do Paraná Pesquisa para o site Diário do Poder e esta coluna revela que a grande maioria dos brasileiros (70,2%) não considera importante o direito de escolher a marca da …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Mais três estatais serão vendidas sem demora

Após deflagrar o processo de privatização da Eletrobrás e também dos Correios, duas das maiores e mais problemáticas estatais federais, o governo Jair Bolsonaro tem prontas para levar a leilão outras …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Troca de comando no Congresso é positiva para 70%

Levantamento exclusivo contratado pelo site Diário do Poder e esta coluna revela que quase 71% dos brasileiros consideram positiva a troca das presidências da Câmara dos Deputados e do Senado. …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Pazuello cogita disputar o governo do Amazonas

Atingido pela “mosca azul”, o general Eduardo Pazuello parece ter adorado a ideia de auxiliares bajuladores para ingressar na política. Para um ministro da Saúde tão criticado, a meta é ambiciosa: …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Eletrobrás valorizou 23% em 4 dias. “Interferência”?

A estatal federal Eletrobras valorizou 23% esta semana, mesmo após o presidente Jair Bolsonaro avisar que iria interferir no setor elétrico, mas ninguém atribuiu a essa atitude a valorização …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Correios e seu passivo de R$ 14 bilhões já vão tarde

A privatização da estatal Correios é tão necessária quanto urgente e, por essa razão, o ministro Fábio Faria (Comunicações) deflagrou o processo ontem levando o projeto de lei ao Congresso. Em …


Exclusivo
Cláudio Humberto

“Crise” na Petrobras tem sinais de manipulação

A histeria provocada pela substituição do presidente da Petrobras foi tão exagerada que logo se perceberam sinais de manipulação no mercado, com corretoras de valores e bancos de investimentos …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Petrobras precisa enfrentar concorrência, diz Delfim

A Petrobras se locupleta da lógica do mercado, sobretudo para se blindar de “interferências”, mas não se submete à lei de mercado mais saudável e preciosa: a concorrência. Do alto de sua …


Exclusivo
Cláudio Humberto

É o presidente quem nomeia, e não o “mercado”

A demissão do presidente da Petrobras foi mal recebida pelo “mercado” como se o executivo fosse indemissível. Não é. A mudança não afeta a estatal, sujeita à lei das sociedades anônimas, às regras …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Bolsonaro esperou bolsas fecharem para anunciar demissão

A demissão de Roberto Castello Branco da presidência da Petrobras não objetiva permitir ao governo a intromissão na política de preços da petroleira, várias vezes negada pelo presidente Jair …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados