X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Anvisa cria grupo para monitorar ações de combate ao coronavírus

| 28/01/2020 08:29 h

Imagem ilustrativa da imagem Anvisa cria grupo para monitorar ações de combate ao coronavírus
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) criou um Grupo de Emergência em Saúde Pública para monitorar e conduzir no âmbito da agência as ações referentes ao novo coronavírus, que já havia matado 106 pessoas na China até a noite de segunda-feira (27). Outros 12 países, em três continentes, também reportaram casos de infectados.

O grupo foi criado por portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU) e contará com servidores que ficarão focados no tema. Serão eles: o adjunto de Diretor da Primeira Diretoria; um assessor da Terceira Diretoria; o gerente-geral de Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados; o gerente de Controle Sanitário de Produtos e Empresas em Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados; o coordenador de Imprensa e Comunicação; e o assessor-chefe do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária. O grupo de emergência terá prazo de duração indeterminado.

O governo federal diz que a situação está sob controle no País e afirma que não vê necessidade de averiguar todas as aeronaves que vêm da China. Na segunda-feira, o presidente substituto da Anvisa, Antonio Barra Torres, disse que a vigilância sanitária será chamada para análise mais detalhada só se for notificada a presença de pessoa com suspeita do vírus, o que ainda não ocorreu em voos que chegaram ao Brasil.

Na manhã desta terça-feira (28), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e o secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira, atendem a imprensa para atualizar o boletim sobre o novo coronavírus da China.

Veja mais:

Número de mortes pelo coronavírus passa de 100 na China

Infectado pelo coronavírus pode não ter sintoma, aponta estudo 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS