search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

São Paulo perde do Fluminense e segue em queda no Brasileiro

Esportes

Publicidade | Anuncie

Esportes

São Paulo perde do Fluminense e segue em queda no Brasileiro


O São Paulo chegou neste domingo (12) ao terceiro jogo seguido sem vencer. No Maracanã, foi derrotado pelo Fluminense, por 2 a 1, em partida pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro, a primeira do segundo turno do torneio.

São Paulo, de Hernan Crespo, perdeu mais uma (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net )São Paulo, de Hernan Crespo, perdeu mais uma (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net )

A exemplo do que ocorreu no começo da primeira metade da competição, o time de Crespo voltou a ficar próximo à zona de rebaixamento. Estacionado nos 22 pontos, caiu para a 16ª posição, apenas uma acima do América-MG, que soma 21 e está na 17º colocação, a primeira na parte vermelha da tabela.

O resultado negativo aumentou ainda mais a pressão no Morumbi, onde o clima está conturbado desde a eliminação do clube nas quartas de final da Libertadores, quando foi superado pelo Palmeiras. O tricolor carioca, por sua vez, se manteve na sétima posição do Nacional, agora com 28 pontos, com um ponto a menos do que o Corinthians, o sexto colocado, na zona de classificação para a pré-Libertadores.

Para uma equipe que tenta se afastar da zona de rebaixamento e outra que almeja se aproximar da faixa de classificação para o torneio continental, os dois tricolores fizeram um primeiro tempo muito fraco.

O São Paulo ainda marcou um gol, com Luciano, de cabeça, mas o lance foi anulado porque a bola saiu à linha de fundo antes do cruzamento de Reinaldo. Enquanto isso, o Fluminense só fez Tiago Volpi trabalhar em cobranças de falta, sem muito perigo, reflexo do pequeno volume ofensivo de ambos os lados.

Foi insistindo na bola parada, contudo, que os donos da casa abriram o placar aos 4 minutos da segunda tempo, quando Nino marcou de cabeça após cobrança de escanteio. Aos 12, porém, o próprio Nino acabou cometendo um pênalti, convertido por Reinaldo.

Os gols logo no começo do segundo tempo evitaram o marasmo que ocorreu no primeiro. As duas equipes passaram a buscar mais o ataque e, num contragolpe, o Fluminense voltou à frente. Luiz Henrique recebeu passe de Fred, partiu nas costas da defesa e marcou aos 20 minutos, dando números finais ao jogo.

O São Paulo volta a campo na quarta-feira (15), quando terá o primeiro confronto com o Fortaleza pelas quartas de final da Copa do Brasil. Já o Fluminense pega o Atlético-MG, também na quarta pelo torneio de mata-mata.

Fluminense: Marcos Felipe; Calegari, Nino, Luccas Claro, Danilo Barcelos; André, Nonato (Wellington - 25'/2ºT), Yago Felipe; Caio Paulista (David Braz - 44'/2ºT), Luiz Henrique (Samuel Xavier - 38'/2ºT) e Fred (Bobadilla - 25'/2ºT). Técnico: Marcão.

São Paulo: Volpi; Bruno Alves, Miranda, Léo, Galeano (Rigoni - 33'/2ºT); Luan (Benítez - 24'/2ºT), Gabriel Sara (Nestor - intervalo), Igor Gomes (Gabriel - intervalo); Reinaldo, Pablo (Vitor Bueno - intervalo) e Luciano. Técnico: Hernán Crespo.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 2X1 SÃO PAULO
Data/Hora: 12/09/2021, às 20h30
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: Bruno Raphael Pires (Fifa-GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)
Árbitro de vídeo: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (VAR-FIFA-MG)
Cartões amarelos: Fred, Luccas Claro, André, Bobadilla (FLU), Igor Gomes, Miranda, Rigoni, Gabriel (SAO)
Gols: Nino, do São Paulo, aos 4 minutos do segundo tempo, Reinaldo, do Fluminense, aos 13 minutos do segundo tempo, e Luiz Henrique, do Fluminense, aos 20 minutos do segundo tempo.

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.