search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Reunião nesta terça vai decidir como será a vacinação de professores no Estado

Notícias

Publicidade | Anuncie

Coronavírus

Reunião nesta terça vai decidir como será a vacinação de professores no Estado


Profissional da saúde prepara vacina (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)Profissional da saúde prepara vacina (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Enquanto o Espírito Santo avança com a vacinação dos idosos contra a Covid-19, o governo do Estado vai iniciar também a imunização dos professores da ativa, na quinta-feira (15).

Os critérios de como será a aplicação e quais os grupos irão receber as doses primeiro começarão a ser definidos nesta terça-feira (13), em uma reunião com a presença de representantes das secretarias de Estado da Saúde e da Educação.

Entre os pontos que serão discutidos está um possível escalonamento de idade, começando pelos educadores mais velhos. Também ainda não foi divulgado se a vacinação será voltada para todos os trabalhadores da educação – entre os quais, os que atuam dentro de escolas – ou apenas para os professores.

A coordenadora do Programa Estadual de Imunizações e Doenças Imunopreveníveis, Danielle Grillo, afirmou, em entrevistas recentes, que serão contemplados professores das redes pública e particular, mas que os detalhes ainda serão ajustados e publicados em resolução.

Ela ressaltou, ainda, que os professores já fazem parte dos grupos prioritários listados pelo governo federal, no entanto, o governo do Estado está antecipando esse grupo utilizando as doses das reservas técnicas (5% de doses de cada remessa que chegam a mais para eventuais perdas). Nesse caso, ela enfatiza que a imunização do grupo em nada interfere na vacinação dos idosos.

Na última semana, também utilizando as doses da reserva técnica e um pequeno quantitativo enviado pelo governo federal, o Estado também iniciou a vacinação para trabalhadores das forças de segurança e salvamento que estão atuando no combate à pandemia.

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados