search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Rede antiga e sempre entupida
Qual a Bronca?

Rede antiga e sempre entupida

“Na esquina da rua Domingos Martins com a rua Engenheiro José Maria, a rede de esgoto está vazando a céu aberto há muito tempo”, denuncia o aposentado José Carlos Loureiro, que mora no bairro Itaquari, em Cariacica.

Segundo ele, a prefeitura realiza alguns paliativos que não resolveram o problema.

“A solução seria a colocação de tubos de 150 mm a 200 mm nesta rede, que ainda é de manilha e muito antiga, pelo menos em um trecho de 30 metros.”

José Carlos afirma que na prefeitura consta que a rua está toda pavimentada e asfaltada, mas que isso não procede.

Esgoto vaza na esquina da rua Domingos Martins com a rua José Maria, no bairro Itaquari, em Cariacica (Foto: Beto Moraes/ AT)
Esgoto vaza na esquina da rua Domingos Martins com a rua José Maria, no bairro Itaquari, em Cariacica (Foto: Beto Moraes/ AT)

“Já perdemos a conta de quantas vezes a administração já mexeu nesta rede, mas solução que é bom não ocorre. Não tem nem um mês que realizaram reparo e já está vazando novamente, exalando um odor insuportável”.

A Secretaria de Serviços de Cariacica informa que enviará equipe técnica ao local. Reforça que a instalação de rede de esgoto é de responsabilidade da Cesan. Segundo a prefeitura, moradores realizam ligação irregular de esgoto doméstico na rede de drenagem da prefeitura, que não foi feita para receber esse tipo de material.

Esclarece que em áreas sem a rede de esgoto oferecida pela Cesan, o morador deve instalar uma fossa séptica. Enquanto existirem essas ligações, a situação irá se repetir.

Quem descarta esgoto comete crime ambiental, passível de multa entre R$ 50 e R$ 25 mil.

A comunidade deve denunciar este ato à Coordenação de Saneamento Ambiental, que atende no telefone: 3354-5403, de segunda a sexta, das 8h às 17h.

O que diz o leitor

José Carlos disse que uma equipe realizou um reparo paliativo, que não resolveu o problema na rede de esgoto.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados