search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Produção de petróleo em fazendas no Estado vai criar 2 mil empregos

Notícias

Publicidade | Anuncie

Economia

Produção de petróleo em fazendas no Estado vai criar 2 mil empregos


Exploração de petróleo em terra: chances serão para profissionais de todos os níveis de escolaridade (Foto: Divulgação)
Exploração de petróleo em terra: chances serão para profissionais de todos os níveis de escolaridade (Foto: Divulgação)

Quem está à espera de uma oportunidade para trabalhar pode preparar o currículo, pois a produção de petróleo em fazendas no Estado vai criar cerca de dois mil empregos.

Nesse universo, 500 empregos são diretos, para trabalhar nas petrolíferas, e 1.500 indiretos, para atuar na cadeia como um todo, em atividades como segurança, limpeza e treinamentos. As contratações devem começar em setembro, ocorrendo de forma gradativa nos próximos dois anos.

O coordenador do Fórum Capixaba de Petróleo e Gás da Federação das Indústrias do Estado (Findes), Durval Vieira de Freitas, comentou que as empreiteiras já contrataram, diretamente, 500 profissionais: “Agora está começando essa criação de emprego, e vão abrir mais 2 mil vagas, sendo que 1.500 serão indiretas, para a cadeia.”

Serão chances para todos os níveis de escolaridade, incluindo cargos de níveis técnico e superior.

Os detalhes da seleção ainda serão divulgados, mas normalmente o processo ocorre pelos Sines. Ele salientou que o destaque maior é para a região Norte, e citou exemplos de negócios como a Imetame Energia, em Linhares, e a Fazenda Alegre, em São Mateus.

Vídeos divulgados por Durval revelam a movimentação de campos em terra no Norte do Estado, com vários operários trabalhando.

No caso da Imetame Energia, o polo compreende os campos de Lagoa Parda, Lagoa Parda Norte e Laboa Piabanha, numa fazenda na localidade linharense de Regência.

A previsão é abrir 150 empregos, sendo 30 diretos e o restante indiretos, com prioridade para quem mora na região. Nesta segunda-feira (13), o governo do Estado chegou a divulgar nas redes sociais que o investimento da Imetame iria criar cinco 5 mil empregos, o que que foi corrigido à tarde pela empresa.

O anúncio das vagas da Imetame veio após a aprovação da cessão dos direitos de operação dos ativos onshore (em terra) do Polo Lagoa Parda pela Agência Nacional do Petróleo e Gás (ANP).

A própria empresa, diz: “Essa aprovação marca o início da transição para a nossa operação nesses campos. E lá vamos nós rumo a este novo desafio.”

E disse que as contratações não serão imediatas, pois aguarda conclusão do desmembramento da Licença Operacional por parte da Petrobras.

Empresas já anunciaram três refinarias para o Espírito Santo

Empresários do segmento de petróleo e gás já anunciaram a intenção de instalar três refinarias no Estado. Os investimentos somam R$ 6,8 bilhões e vão criar, no mínimo, 3.600 postos de trabalho.

A Energy Platform e a Oil Group planejam uma refinaria e uma fábrica de lubrificantes – minirrefinaria. Elas podem ser instaladas juntas num porto previsto para Presidente Kennedy, no Sul do Estado. Ou a fábrica de lubrificantes pode ir para o Norte, provavelmente em Jaguaré ou São Mateus, mantendo a refinaria no Sul.

Para estes empreendimentos, serão criadas 1.500 vagas em obras, e 500 na operação. O investimento gira em torno de R$ 1,5 bilhão, conforme matérioa publicada no dia 8, pelo jornal A Tribuna.

O outro projeto de refinaria é da Noxis Energy, e deve ser instalado em Aracruz. Há previsão de 1.500 empregos na construção e de 140 na operação, que será mais automatizada. A empresa aguarda a liberação de uma área para instalar a estrutura.

O investimento previsto é de US$ 800 milhões (R$ 4,3 bilhões) – valor que pode subir ou diminuir, dependendo da proximidade da área com o mar.


SAIBA MAIS


Investimentos

Os investimentos na produção de petróleo devem abrir duas mil vagas de empregos diretos e indiretos no Estado, especialmente na região Norte, nos próximos dois anos.

Empregos

Diretos

Desse total, estima-se que cerca de 500 vagas sejam para contratações diretas.

Alguns Cargos

  • Sondador (que opera sonda de perfuração)
  • Motorista
  • Mecânico
  • Ajustador
  • Soldador
  • Lubrificador
  • Eletricista
  • Pessoal de instrumentação
  • Engenheiro segurança do trabalho
  • Engenheiro de meio ambiente
  • Engenheiro de supervisão
  • Engenheiro de petróleo e gás
  • Técnico de segurança do trabalho
  • Técnico de meio ambiente
  • Médico
  • Enfermeiro
  • Técnico de enfermagem, entre outras funções.

Indiretos

  • A previsão é de que aproximadamente 1.500 empregos sejam abertos na cadeia, considerando comércio, serviço e indústria.
  • Serão vagas para trabalhar em postos de combustível, hotéis, restaurantes, lanchonetes, hotelaria, lavanderia, seguros, aluguel de carros, manutenções de veículos, saúde, segurança, treinamentos, limpeza, entre outros.

Currículos/cadastro

  • Os processos de seleção serão anunciados posteriormente pelas empresas, mas normalmente são feitos via Sines.

Alguns negócios

Imetame Energia

  • É operadora de blocos terrestres nas bacias sedimentares brasileiras. Atualmente, a empresa produz petróleo e gás natural em cinco campos na Bacia Potiguar, no Rio Grande do Norte, e em um campo na Bacia do Recôncavo, na Bahia.

Fase de desenvolvimento

  • Contam ainda com ativos exploratórios e em fase de desenvolvimento nas bacias do Espírito Santo, em Linhares, São Francisco(MG), Potiguar (RN) e Recôncavo (BA).

Direitos de operação

  • No último dia 2, foi aprovada a cessão dos direitos de operação dos ativos onshore (em terra) do Polo Lagoa Parda pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).
  • O Polo compreende os campos de Lagoa Parda, Lagoa Parda Norte e Lagoa Piabanha, localizados, em uma fazenda de Regência, em Linhares.

Venda

  • A Petrobras fechou acordo para vender a totalidade de suas participações nos campos terrestres do Polo Lagoa Parda para a Imetame Energia. A Petrobras é operadora com 100% de participação nos três campos.
  • A produção média atual do polo (junho/2020) é de aproximadamente 155 barris de óleo por dia (bpd).

Fazenda Alegre

  • Localizada em Jaguaré, no Norte do Estado, está o campo de petróleo com maior produção no Espírito Santo. São cerca de seis mil barris por dia. Eles são enviados ao Terminal Norte Capixaba, de onde são exportados.

Petro-Victory

  • Iniciou a perfuração do poço exploratório de petróleo 1-VID-1-ES (Vida), localizado no bloco ES-T-487.
  • O poço Vida, com uma profundidade total de 1.800 metros, terá como alvo reservatórios de arenito em potencial na Formação São Mateus.

Fonte: Durval Vieira, coordenador do Fórum Capixaba de Petróleo e Gás da Findes, e Imetame.

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados