X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Política

Quarto pedido de cassação em 8 meses

Mais um processo foi entregue à Corregedoria da Casa, desta vez contra Luiz Emanuel Zouain, que disse ser alvo de perseguição


Imagem ilustrativa da imagem Quarto pedido de cassação em 8 meses
Luiz Emanuel e Vinícius Simões são os alvos dos dois últimos pedidos |  Foto: Rodrigo Gavini

Mais um pedido de cassação de mandato de um vereador foi protocolado no sistema da Câmara de Vitória. Desta vez, o processo é contra o parlamentar Luiz Emanuel Zouain (Republicanos).

O documento, protocolado ontem, é o quarto deste ano. Os outros foram, em ordem cronológica, contra os vereadores Armandinho Fontoura (sem partido), Chico Hosken (Podemos) e Vinícius Simões (Cidadania).

Leia mais sobre Política

O processo contra Armandinho, vereador preso desde o dia 15 de dezembro, tramita na Casa. Já o contra Chico Hosken foi arquivado. Por fim, o processo contra o vereador  Vinícius Simões ainda não foi apreciado pela Corregedoria.

O autor da denúncia contra Zouain é o músico Wanderley da Silva Ferreira, conhecido como “Thor, o Pagodeiro do Amor”. É a segunda vez que ele pede a cassação de um vereador da Casa, já que ele é o autor da denúncia contra Vinícius Simões. 

“O vereador Zouain chamou ministros do STF de covarde, moleque e mentiroso. A origem da minha denúncia é a mesma que pede a cassação do vereador Armandinho, que está preso por supostamente atacar a democracia”, disse.

A reportagem teve acesso ao documento protocolado na Câmara. O material de 25 páginas pede que a Corregedoria da Casa investigue e sugere a cassação de Zouain. 

“De suas postagens, verifica-se que o denunciado  provoca constantes ataques às instituições, sobretudo aos Ministros do STF e a honorabilidade da Suprema Corte”, diz um trecho do documento. 

Zouain, por sua vez, comentou que ainda não teve conhecimento do processo.

“Esse é o mesmo personagem que busca criar um ambiente ruim na Câmara. Persegue vários vereadores, além de mim. Eu chego a duvidar de que ele tenha condições jurídicas de protocolar esse pedido”, comentou.

Ainda, segundo o vereador, a atitude de Thor banaliza o trabalho da Corregedoria. “É a segunda vez que ele entra com um processo contra um vereador. Essa é uma tentativa de banalizar o direito das pessoas sérias em abrir um processo, em chamar a Corregedoria”, comentou. 

Procurada, a Câmara de Vitória disse que ainda não tem conhecimento do documento. 


Corregedoria decide sobre mandato de Vinícius Simões

O pedido de cassação do mandato do vereador Vinícius Simões (Cidadania) será apreciado na próxima semana. A informação é do Corregedor da Câmara de Vitória, vereador Leonardo Monjardim (Patriota).

De acordo com ele, o procurador da Casa comentou que ia despachar o parecer para a Corregedoria na segunda-feira. 

“Eu ainda não tive acesso, mas devo receber o documento na próxima segunda-feira. A partir disso, vou ler, convocar uma reunião e ver os fundamentos da denúncia”, disse Monjardim.

O processo protocolado na Câmara pede que Simões seja cassado por ter cometido quebra de decoro. Em contato com a reportagem, o parlamentar disse que espera que o parecer da Procuradoria sugira pelo arquivamento do processo.

“É um parecer opinativo, vai servir como fonte para análise. No entanto, gostaria de deixar claro que o nosso mandato vai continuar cumprindo o dever de fiscalizar os atos do Executivo municipal”, comentou Simões.


Entenda

Armandinho e Hosken no alvo

A câmara de Vitória enfrenta o 4º pedido de cassação contra um vereador somente neste ano. Os pedidos foram contra os parlamentares Armandinho Fontoura (sem partido), Chico Hosken (Podemos), Vinícius Simões (Cidadania) e, agora, Luiz Emanuel Zouain (Republicanos).

O pedido contra Zouain, protocolado ontem, pede a cassação dele por ter “atacado ministros e sistema eleitoral”. 

Já o processo contra Simões será analisado pela Corregedoria na próxima semana. Ele é acusado de cometer quebra de decoro.

Leia mais

Moraes apontou "condutas gravíssimas" ao determinar prisão de ex-diretor da PRF

Críticas e defesa a Zema na Assembleia Legislativa do Espírito Santo

Zanin envia ação contra Bolsonaro à Justiça Eleitoral

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: