X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Justiça manda soltar o ex-governador do Rio, Luiz Fernando Pezão

| 10/12/2019 16:28 h | Atualizado em 12/12/2019, 09:27

MPRJ ajuíza ação contra Luiz Fernando Pezão por improbidade administrativa por obra no Maracanã
MPRJ ajuíza ação contra Luiz Fernando Pezão por improbidade administrativa por obra no Maracanã |  Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Preso desde novembro de 2018, o ex-governador do Rio pelo MDB Luiz Fernando Pezão será liberado nas próximas horas graças a uma liminar concedida pela Sexta Turma do STJ (Superior Tribunal de Justiça).

Pela decisão, Pezão terá que usar tornozeleira e não poderá sair de casa no período das 20h às 6h.
Além desses compromissos, ele terá que comparecer em juízo quando solicitado e estará proibido "de se aproximar e de manter contato pessoal, telefônico ou por meio eletrônico ou virtual com os outros réus ou pessoas acusadas de pertencer à mesma organização criminosa".

Pezão também estará proibido de ocupar cargos ou funções públicas no estado ou no município do Rio de Janeiro, enquanto durar o processo.

Ele só poderá deixar o Rio com autorização judicial. Ele deverá informar a Justiça sobre qualquer operação bancária superior a R$ 10 mil.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS