X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Fachin pede para adiar julgamento sobre Moro e que plenário do STF decida futuro do processo

| 09/03/2021 13:59 h

Ministro criticou notícias falsas
Ministro criticou notícias falsas |  Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal), pediu ao presidente da corte, Luiz Fux, que leve para o plenário a discussão sobre a possibilidade de ser julgada a suspeição do ex-juiz Sergio Moro no caso do tríplex de Guarujá mesmo após a decisão de segunda-feira (8) que anulou a sentença contra o petista.

O ministro também "indicou o adiamento" do julgamento para que o tema seja retirado da pauta da 2ª Turma do STF desta terça.

A exclusão do processo na pauta, porém, depende do ministro Gilmar Mendes, que é o presidente da turma. Além disso, Gilmar também tem poder sobre o processo porque o habeas corpus da defesa do petista contra Moro já teve o julgamento iniciado, mas foi interrompido por pedido dele no fim de 2018.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS