X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Felipe Rigoni desiste do governo e tentará a reeleição como deputado federal

Deputado confirmou as especulações sobre sua desistência nesta quarta-feira (27)

Kleber Amorim, do jornal A Tribuna | 27/07/2022 17:21 h | Atualizado em 28/07/2022, 14:41

Os fortes burburinhos desde a terça-feira (26) que davam conta da desistência do deputado Felipe Rigoni (União) da pré-candidatura ao governo do Estado se confirmaram e ele tentará mesmo à reeleição para a Câmara Federal.

Na tarde desta quarta (27 ele divulgou uma mensagem intitulada “ao eleitor capixaba” explicando a desistência. 

"O momento atual é de amadurecimento do projeto. Um novo ciclo político depende de dois elementos: novas lideranças e um novo projeto de desenvolvimento. E hoje, o ciclo de renovação do Espírito Santo precisa mais de mim no Congresso Nacional”.

Leia  a carta na integra:

"AO ELEITOR CAPIXABA

O Brasil vive um dos momentos mais dramáticos desde a redemocratização de 1985. Fome, desemprego e instabilidade institucional ameaçam nosso futuro. No Espírito Santo, mais de 390 mil pessoas não sabem quando será a próxima refeição e mais de 600 mil não têm acesso a água tratada.

Há 8 meses tenho defendido um novo projeto político para o Espírito Santo e o Brasil, para proporcionar um ciclo de desenvolvimento sustentável, com mais oportunidade para todos.

Nos últimos meses, quando apresentei à sociedade um projeto para o Espírito Santo, percorri todo o Estado. Ouvi e aprendi muito. Cada capixaba tem a sua história, o seu sonho e a sua realidade.

Ao longo da jornada, confirmei meu sentimento de que precisamos realmente de renovar o ciclo político e de desenvolvimento do Espírito Santo. Mas, na política, temos que ter a humildade e a sensibilidade de saber qual é o momento certo para colocarmos um projeto em prática. 

O momento atual é de amadurecimento do projeto. Um novo ciclo político depende de dois elementos: novas lideranças e um novo projeto de desenvolvimento. E hoje, o ciclo de renovação do Espírito Santo precisa mais de mim no Congresso Nacional.

Desde que iniciei esta jornada como pré-candidato ao governo estadual, tenho recebido inúmeros apelos para permanecer na Câmara dos Deputados, onde posso defender muito bem os interesses do Espírito Santo e do Brasil.

Nunca tomei decisões políticas com base apenas em desejos pessoais, e sim observando o interesse coletivo.

Foi com esse compromisso que, ao longo de minha trajetória, tomei posições que achei as mais sensatas, mesmo recebendo críticas ora da esquerda, ora da direita, em temas polêmicos como a defesa do novo marco do saneamento, a reforma da previdência e a rejeição à PEC Kamikaze. 

Sempre me pautei pelo que achei mais correto, mais justo e melhor para a população do Espírito Santo e do Brasil. Foi assim quando fui relator do novo Fundeb, quando aprovei 6 projetos de lei, economizei verba de gabinete, fiz editais para destinação de emendas parlamentares e fiz processo seletivo para a formação da equipe. Provamos que é possível fazer política de forma diferente.

Ninguém consegue governar o Estado ou o país sem uma construção coletiva. Como deputado federal, confirmo meu compromisso com o Brasil e com o Espírito Santo: trabalhar pela renovação do Estado, com mais justiça social e oportunidade para todos. 

Vitória, 27 de julho de 2022.

Felipe Rigoni"

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS