X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Desembargador manda soltar ex-ministro Milton Ribeiro

A Polícia Federal apura irregularidades na liberação de verbas do Ministério da Educação (MEC)

Redação Tribuna Online, com informações de G1 | 23/06/2022 13:14 h

O ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro,  foi preso pela Polícia Federal
O ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro, foi preso pela Polícia Federal |  Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil
 

O desembargador Ney Bello, do Tribunal regional Federal da 1ª Região (TRF-1) determinou que o ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro, seja colocado em liberdade. Por meio de decisão liminar, o magistrado cassou a prisão preventiva do pastor e de outros quatro presos pela Polícia Federal, em operação realizada na quarta-feira (22). As informações são do portal g1. 

A Polícia Federal apura irregularidades na liberação de verbas do Ministério da Educação (MEC). 

Mais cedo, o desembargador plantonista Morais da Rocha tinha rejeitado o mesmo pedido de habeas corpus protocolado pela defesa de Ribeiro, alegando falta de documentos que demonstrassem o constrangimento ilegal na prisão do ex-ministro. 

Já Ney Bello, alega na liminar que determina a soltura que Ribeiro não faz mais parte do governo federal e que os fatos investigados não são mais atuais, portando, não é justificada a prisão. 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS