X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Política

Deputados do ES aprovam projeto de Lei que proíbe piercing e tatuagem em animais

Medida inclui animais domésticos e silvestres. Entenda


Imagem ilustrativa da imagem Deputados do ES aprovam projeto de Lei que proíbe piercing e tatuagem em animais
Projeto altera o Código Estadual de Proteção aos Animais |  Foto: Reprodução/Canva

Deputados da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) aprovaram, nesta segunda-feira (10), o projeto de Lei que proíbe a realização de tatuagens e a implantação de piercings em animais domésticos e silvestres para fins estéticos.

O  Projeto de Lei (PL) 752/2021, que altera o Código Estadual de Proteção aos Animais (Lei 8.060/2005), é de autoria da deputada estadual Janete de Sá (PSB) e foi aprovado no plenário da casa. Antes disso, a proposta já havia sido analisada e aprovada pelas comissões de Justiça, Proteção e Bem-Estar dos Animais e Finanças.

Na justificativa do projeto, a parlamentar chama de "ato covarde” fazer uma tatuagem ou um piercing num animal e observa que a prática está se tornando tendência nos Estados Unidos. “Tal procedimento tem por finalidade apenas satisfazer a vaidade de seu tutor, mesmo que para isso o animal tenha que passar por dor e sofrimento”, afirma.

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: