X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

"Um dia antes de morrer, ele estava bem triste", diz Rita Camata em depoimento emocionado

| 03/08/2021 15:03 h | Atualizado em 03/08/2021, 15:57

Durante júri popular do caso Camata, a viúva do ex-governador, Rita Camata, prestou depoimento emocionado o início da tarde desta terça-feira (03), na 1ª Vara Criminal do Fórum de Vitória.

O depoimento da ex-deputada federal começou às 13h35 desta terça-feira (03), no primeiro dia do julgamento, e o testemunho durou cerca de uma hora.

Emocionada, Rita chorou ao contar sobre a trajetória de Gerson Camata na política e sobre como os dois se conheceram. A viúva ainda lembrou dos momentos que viveu ao lado do marido e disse como foram os dias que antecederam o crime.

"Um dia antes dele morrer, ele estava bem triste. No fim daquele ano, nós íamos para Búzios, mas ele não quis ir. Estava muito triste", disse Rita.

Gerson Camata participou da Sessão Solene do Congresso, em comemoração aos 30 anos da Constituição Federal, em novembro deste ano
Gerson Camata participou da Sessão Solene do Congresso, em comemoração aos 30 anos da Constituição Federal, em novembro deste ano |  Foto: Marcos Brandão/Senado Federal
Assassino confesso de Camata, o ex-assessor do político, Marcos Venício Moreira Andrade, está sendo acusado por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e por dificultar a defesa da vítima, além do porte ilegal de arma.

No começo do julgamento, foram reproduzidos dois vídeos do momento do assassinato, em dois ângulos diferentes. Durante a exibição das imagens, Edmar Camata, sobrinho da vítima, se retirou da sala e Marcos não expressou reação ao rever as cenas do crime.

Além da viúva de Camata, outras testemunhas de acusação foram ouvidas durante a manhã, entre elas Miguel Darmelina e o ex-vereador de Vitória, o advogado Sebastião Pelaes, amigos de Camata e do réu.

As testemunhas reforçaram que o acusado avisou previamente que mataria o ex-governador.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS