Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Traficantes impedem visita a ponto turístico em Vila Velha

| 05/12/2019 14:22 h | Atualizado em 06/12/2019, 07:08

Acesso para a Praia da Concha, na Barra do Jucu, virou caminho do medo, com drogas e armas nas mãos de bandidos
Acesso para a Praia da Concha, na Barra do Jucu, virou caminho do medo, com drogas e armas nas mãos de bandidos |  Foto: Arquivo / AT

De ponto turístico e lugar paradisíaco a pesadelo para os moradores e turistas. Foi por essa transformação que o Morro da Concha, na Barra do Jucu, Vila Velha, passou, de acordo com quem vive e frequenta a região.

Os moradores se queixam de que, há cerca de um ano, criminosos tomaram conta do Morro da Concha e também da Praia da Concha e da Praia do Barrão. Desfilando até com armas em punho, eles transformaram o ponto turístico em boca de fumo.

“Eles ficam em uma região de mata do Morro, em um lugar conhecido como 'Santa'. Uma área que antes era bucólica virou de risco”, relatou uma assistente comercial de 48 anos.

Com medo de represálias, ela e outros moradores do bairro conversaram com a reportagem na condição de não serem identificados.

Para acessar a Praia da Concha, é necessário fazer uma trilha pela Praia do Barrão, por uma escadaria. Lá de cima, o visual é digno de cartão-postal, o que atraía muitos turistas. Hoje, segundo os moradores, traficantes têm impedido as pessoas de passarem por ali.

“A Praia do Barrão é conhecida pelas boas ondas para a prática do surf e a Praia da Concha era maravilhosa, com colônia de pescadores. Hoje, o morador não tem mais praia. O turista chega e vai embora”, lamentou a assistente comercial.

De acordo com ela, a população já acionou a Polícia Militar, pelo Ciodes-190, diversas vezes. “Eles já sabem da situação, mas não tomam nenhuma providência. Estamos indignados”.



Nascido e criado na Barra do Jucu, um autônomo de 53 anos contou que a criminalidade no bairro nunca tinha chegado a esse ponto. “Nós ficamos reféns dessa situação. Estamos com medo de circular por ali. Queremos nossa praia de volta, com segurança”.

Procurada, a Prefeitura de Vila Velha informou que o patrulhamento da Guarda Municipal é feito de forma contínua, com um efetivo que atua especificamente na Região 5, que inclui a Barra do Jucu.

A Guarda orientou que a população acione a Coordenação de Inteligência da instituição pelo telefone 3219-9929, para que a situação seja verificada.

O outro lado

A Polícia Militar informou que realiza policiamento preventivo na região e destacou que a população precisa colaborar com o trabalho da polícia e passar informações via Ciodes-190.

“O comando da 13ª Companhia Independente tem feito operações no local com a Força Tática e cães, para encontrar drogas e armas, em algumas situações. No entanto, é imprescindível que a comunidade denuncie quem são os indivíduos que estão traficando e, se possível, onde eles escondem os entorpecentes e quem compra essa droga”, completa a nota.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS