X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Tio atropela ladrões ao ver sobrinhos sendo assaltados

Caso foi registrado como roubo, colisão, lesão corporal e legítima defesa

Agência Folhapress | 14/02/2022 15:31 h | Atualizado em 14/02/2022, 16:12

Dois criminosos foram atropelados por um motorista assim que o condutor percebeu um assalto em andamento, em que as vítimas eram seus sobrinhos. O caso ocorreu por volta das 23h20 de sábado (12), na região do Jabaquara, zona sul da capital paulista. Com a força do impacto, os dois foram lançados ao ar.

Com idades de 26 e 29 anos, eles foram hospitalizados segundo a Polícia Civil. Um deles teve alta médica, sendo preso em seguida, e o outro permanecia internado sob escolta policial até a manhã desta segunda-feira (14). O estado de saúde dele não foi informado. A defesa da dupla não foi localizada.

Uma câmera de monitoramento registrou dois rapazes e uma mulher, com idades entre 17 e 20 anos, caminhando por uma calçada no bairro Jardim Oriental. Ambos iam para a casa do tio, que os esperava observando a rua.
Às 23h21, a dupla se aproxima, em uma moto, anunciando o assalto. O garupa desembarca e, aparentemente armado, rende as vítimas.

Em seguida, o condutor da moto também desembarca, para também pegar objetos das vítimas, que chegam a ser revistadas por um dos ladrões. A ação dura cerca de um minuto.

Quando os criminosos se preparam para fugir, um carro aparece nas imagens em alta velocidade, batendo na traseira da moto. Os dois ladrões são projetados para o alto. O garupa, segundo as imagens, fica inconsciente no meio da rua Vieira Portuense. Já o outro criminoso aparece fugindo a pé, após a moto ser atingida pelo carro. Ele é perseguido, também a pé, pelo tio das vítimas. O ladrão foi rendido logo depois.

Os dois rapazes e a moça relataram à polícia que se dirigiam à residência do parente, morador da região. Ele percebeu a ação criminosa, de acordo com registros da Polícia Civil, e resolveu atropelar os dois. O caso foi registrado como roubo, colisão, lesão corporal, legítima defesa e é investigado pelo 35º DP (Jabaquara). Não foi informado se alguma arma foi apreendida. O carro usado pelo parente das vítimas foi devolvido após o registro da ocorrência.

Os roubos e furtos registraram alta na região do Jabaquara, de acordo com dados da Secretaria Estadual da Segurança Pública.
No ano passado, a pasta computou 2213 furtos em geral na área, representando alta de 33,7% em relação aos 1655 crimes do ano anterior.
Os roubos também aumentaram, durante o período, de 1814 para 1877, um crescimento de 3,47%.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS