Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Suspeito de matar a mulher em Cariacica é preso

| 12/12/2019 18:01 h | Atualizado em 14/12/2019, 10:57

Genaína era uma pessoa guerreira, segundo o cunhado
Genaína era uma pessoa guerreira, segundo o cunhado |  Foto: Reprodução/ Redes sociais
Antônio Junior Cruz, de 36 anos, foi preso ontem, em Guarapari, acusado de ter matado a mulher, a camareira Genaína Gomes dos Santos, 34, no bairro Rio Branco, em Cariacica, na última quinta-feira (11).

O acusado foi preso durante patrulhamento no bairro Paturá e confessou ter cometido o crime.

Segundo a polícia, um morador registrou uma denúncia anônima depois de ver Antônio e reconhecê-lo a partir de fotos publicadas em um portal de notícias.

Policiais foram ao bairro e, quando o acusado percebeu a presença deles, correu para dentro de uma casa.

Ele recebeu voz de parada dos agentes, mas ignorou a ordem. Os militares, então, entraram na residência e encontraram Antônio debaixo de uma cama.

Nada de ilícito foi localizado, mas, durante entrevista, Antônio admitiu que fugiu da polícia por ter cometido o feminicídio dias antes. Ele foi preso e levado à delegacia.

Caso

Genaína foi morta a facadas, dentro de casa. Ela foi encontrada pela polícia deitada em um sofá com sangramento no direito do pescoço. Na ocasião, o filho da vítima disse que o autor do crime tinha sido o pai dele, que fugiu do local.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS