X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Sobrinho mata tio após briga em Colatina

| 20/01/2020 08:38 h

Um homem identificado como Edmilson Rezende, de 46 anos, foi morto pelo sobrinho e um amigo, a pauladas e jogado do terceiro andar do prédio após uma confusão no bairro São Vicente, em Colatina, na manhã de domingo (19).

Segundo a Polícia Civil, a motivação seria uma briga antiga porque Edmilson defendeu uma moradora que teria quebrado a tubulação do prédio onde mora.

A mulher também foi agredida e, de acordo com a polícia, só sobreviveu porque fingiu que estava morta.

Testemunhas disseram que a confusão envolvendo Edmilson e o sobrinho começou no sábado à noite, com o suspeito muito nervoso. Vizinhos escutaram objetos sendo quebrados no apartamento onde ocorria a confusão.

Com o início da discussão, chamaram a polícia, e o sobrinho foi levado para prestar depoimento na Delegacia Regional de Colatina.

Ainda de acordo com testemunhas, no domingo, o sobrinho, já na companhia do amigo, retornou a ao prédio, entrou no apartamento onde o tio estava e começou a agressão com pauladas. Depois, arremessou o corpo da janela do terceiro andar do prédio.

Os suspeitos ainda teriam descido prédio e continuado a violência. Em seguida, a mulher teria sido brutalmente agredida, mas resistiu e foi socorrida, sendo levada para o hospital, segundo testemunhas.

A Polícia Militar foi novamente acionada e, chegando ao local, chamou a perícia da Polícia Civil. Após o crime, os suspeitos foram procurados na região e identificados pela polícia.

Os dois acusados, ambos de 41 anos, foram conduzidos à Delegacia Regional de Colatina e autuados pela prática do homicídio consumado, qualificado pela futilidade, e serão encaminhados para o sistema prisional.

O corpo de Edmilson Rezende foi encaminhado para o Serviço Médico Legal (SML) de Linhares, Norte do Estado, para que fossem feitos os exames necessários para liberação.
 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS