X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Polícia

Sete pessoas presas em operação contra comércio de fios furtados no ES

Foram apreendidos cerca de 670 quilos de fiação metálica, 120 quilos de peças metálicas e 87 metros de fios de telefonia encapados


Imagem ilustrativa da imagem Sete pessoas presas em operação contra comércio de fios furtados no ES
Material foi apreendido durante a operação |  Foto: Divulgação / PCES

Uma operação da Polícia Civil prendeu sete pessoas acusadas de comercializar fios furtados. A ação contou com apoio de empresas de telefonia e energia elétrica do Estado, além das Guardas Municipais dos municípios de Vila Velha e de Guarapari.

A Operação Vastum aconteceu na terça-feira (05), mas teve o resultado divulgado nesta quarta (13), em coletiva de imprensa. Na ocasião, foram apreendidos cerca de 670 quilos de fiação metálica, 120 quilos de peças metálicas, 87 metros de fios de telefonia encapados, entre outros materiais. 

O material era comercializado em estabelecimentos de material reciclado. Em Vila Velha, duas pessoas foram presas em flagrante pelo crime de receptação e em Guarapari, cinco pessoas foram presas em flagrante pelo mesmo crime.

Segundo a polícia, o material é furtado frequentemente por pessoas em situação de rua, e vendido para pequenos estabelecimentos que funcionam ilegalmente e repassam essas mercadorias para estabelecimentos maiores, que por sua vez revendem para grandes metalúrgicas.

"Na medida em que esse ciclo vai sendo seguido, notas fiscais vão sendo expedidas e o metal de origem criminosa passa a ter aparência de algo de origem lícita", explicou o delegado Guilherme Eugênio Rodrigues, titular do 6º Distrito Policial.

A ação aconteceu durante uma fiscalização. Os locais, aparentemente legalizados, são comandados por grandes empresários, que inclusive empregam muitos funcionários, mas que, segundo o delegado, também vendem produtos de crime. 

Outros três estabelecimentos foram interditados pela polícia nos últimos 60 dias e todos seguem impedidos de atuar e só poderão voltar ao funcionamento caso se adequem à legalidade.

Veja imagens da operação:

Imagem ilustrativa da imagem Sete pessoas presas em operação contra comércio de fios furtados no ES
Material apreendido pela polícia |  Foto: Divulgação / PCES


Local foi interditado pela polícia Divulgação / PCES


Operação Vastum aconteceu na terça-feira (05) Divulgação / PCES


Polícia e empresas de telefonia fizeram parte de ação Divulgação / PCES
Imagem ilustrativa da imagem Sete pessoas presas em operação contra comércio de fios furtados no ES
Material apreendido pela polícia |  Foto: Divulgação / PCES
Imagem ilustrativa da imagem Sete pessoas presas em operação contra comércio de fios furtados no ES
Material apreendido pela polícia |  Foto: Divulgação / PCES

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: