Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Servidor público é encontrado morto e nu em praia no Estado

| 18/08/2021 18:20 h | Atualizado em 18/08/2021, 18:34

Carlos Marcio Wichello, mais conhecido como Marcinho, de 55 anos
Carlos Marcio Wichello, mais conhecido como Marcinho, de 55 anos |  Foto: Reprodução Facebook
A polícia está apurando a causa da morte do motorista de transporte escolar da Prefeitura de Itapemirim, Carlos Marcio Wichello, mais conhecido como Marcinho, de 55 anos.

Seu corpo foi encontrado por moradores na tarde desta terça-feira (17) em uma praia entre Lagoa Dantas e Lagoa do Siri, no litoral de Marataízes, município vizinho situado no Litoral Sul. Ele estava sem roupas e sem sinais de violência.

Segundo a Polícia Civil, o caso foi registrado como encontro de cadáver. O corpo foi periciado e encaminhado ao Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro para ser identificado e passar por exame cadavérico.

Ainda, de acordo com a Polícia Civil, somente após os exames no SML será possível confirmar o que provocou sua morte e estabelecer se o motorista morreu de causas naturais.

A prefeitura publicou nota de pesar lamentando a morte de Carlos: “Nesse momento de dor, a Prefeitura de Itapemirim, por meio do prefeito Dr Thiago, oferece suas condolências a toda família e amigos”.

Ainda, de acordo com a prefeitura, Marcinho era servidor efetivo lotado na Secretaria de Educação e atuava como motorista de veículos leves desde 2008.

Nas redes sociais, algumas pessoas lamentaram a morte. “Triste demais. Descanse em paz nosso querido Marcinho”, disse um amigo. Outra pessoa afirmou: “Um grande amigo que se foi. Que Deus conforte o coração da família. Vá em paz meu amigo Marcinho”.

Marcinho foi sepultado na tarde desta quinta-feira (18) na Vila de Itapemirim.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS