X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Saidinha do Dia dos Pais: 29 presos não voltaram para a cadeia

| 13/08/2020 20:37 h | Atualizado em 13/08/2020, 21:09

Imagem ilustrativa da imagem Saidinha do Dia dos Pais: 29 presos não voltaram para a cadeia

Dos 1.114 presos beneficiados com a saída temporária do Dia dos Pais, a "saidinha", 29 não retornaram aos presídios. De acordo com a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), os internos saíram no dia 5 de agosto, para passar a data comemorativa ao lado da família, mas deviam ter retornado nesta quarta-feira (12).

Agora, esses detentos são considerados foragidos e uma relação sobre eles é entregue às Varas de Execuções Penais e à Secretaria da Segurança Pública (Sesp), para que consigam viabilizar a recaptura.

Coronavírus nos presídios

Por meio de nota, a Sejus também informou que adotou uma série de medidas para a saída e retorno dos internos das Unidades Prisionais neste período. Entre elas, está o controle da temperatura e a verificação de possíveis sintomas da doença.

“Ao retorno do benefício, os internos passaram por triagem e isolamento para descarte do contágio, visando a prevenção e o controle no que diz respeito aos demais detentos e servidores. A Sejus ressalta que todos os internos com sintomas ou diagnóstico de Covid-19 são isolados e recebem atendimento médico nas unidades prisionais do Estado”, diz a nota.

O benefício da saidinha temporária está previsto na lei de Execução Penal e é concedido pelo Poder Judiciário. No ano passado, 1.065 detentos do sistema penitenciário do Espírito Santo tiveram direito à saidinha. Na ocasião, 26 deles não voltaram para a cadeia no dia determinado.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS