Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Presos dois suspeitos de ataque que deixou criança baleada em Itararé

| 13/03/2021 12:21 h | Atualizado em 13/03/2021, 12:32

Material apreendido pela polícia
Material apreendido pela polícia |  Foto: Divulgação/Polícia Militar

Um jovem, de 24 anos, e um adolescente, de 14, foram detidos pela Polícia Militar acusados de participarem de um ataque em Itararé, Vitória, que deixou um menino de 8 anos baleado. 

Os dois suspeitos foram capturados no bairro Andorinhas, na sexta-feira (12), depois de tentaram escapar da abordagem dos policiais. 

Os militares foram até o local depois de receberem informações de que os participantes do ataque em Itararé, que aconteceu numa pracinha na última segunda-feira (8), estariam fazendo uma reunião em Andorinhas, também na capital.

Viaturas cercaram as saídas do bairro. Enquanto seguiam pelas ruas, uma das equipes viu um suspeito armado correndo na direção oposta dos policiais. Os militares seguiram o jovem de 24 anos pelos becos até que ele entrou em uma casa.

Segundo o Boletim de Ocorrência, o jovem jogou a arma na cozinha e tentou correr, mas foi pego. No banheiro, os policiais flagraram um adolescente de 14 anos jogando um pacote dentro do vaso e dando descarga. Na bolsa havia 10 munições, que não desceram e foram apreendidas.

Com o adolescente a polícia ainda apreendeu um rádio comunicador, que estava sintonizado na frequência dos traficantes, que a todo momento informavam a localização das viaturas.

Depois de se render, o jovem confessou que era do tráfico local e ainda indicou que na casa em frente havia outros materiais. No imóvel, a polícia encontrou seis rádios comunicadores, oito bases carregadoras e 26 munições de diferentes calibres.

Na casa onde a dupla estava, os militares também acharam carregadores de pistola, dinheiro, celulares e um caderno com anotações do tráfico e de pagamento a advogados. Os dois foram levados para a Delegacia Regional da Vitória. Até o fechamento desta matéria, a autuação deles não tinha sido informada.
 

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS