X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Operação da Polícia Federal investiga lavagem de dinheiro na Telexfree

| 17/12/2019 08:46 h | Atualizado em 17/12/2019, 11:27

Imagem ilustrativa da imagem Operação da Polícia Federal investiga lavagem de dinheiro na Telexfree

Uma operação da Polícia Federal, deflagrada na manhã desta terça-feira (17), investiga uma suposta lavagem de dinheiro na Telexfree. “O objeto da investigação é a possível prática de lavagem de dinheiro em razão da suposta ocultação e dissimulação da propriedade de bens e valores provenientes, direta ou indiretamente, de infração penal”, explicou a PF.

Foram cumpridos dois mandados de prisão e três de busca e apreensão nas casas dos investigados na Grande Vitória. Os nomes não foram divulgados pela Polícia Federal. 

A Operação Alnilam, que tem apoio do Ministério Público Federal no Espírito Santo (MPF-ES), investiga a suspeita de que “imóveis foram adquiridos em nome de interpostas pessoas com recursos diretamente ligados à atividade da Telexfree, bem como a posterior locação desses imóveis, gerando renda para os investigados”.

Ainda de acordo com a PF, "Alnilam é o nome de uma das estrelas centrais que forma o cinturão de Orion (que foi o nome da operação original sobre as atividades da Telexfre)". 

O outro lado

O advogado da Telexfree Rafael Lima foi procurado pela reportagem do Tribuna Online, mas não respondeu às ligações e mensagem. 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS