X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Motorista de aplicativo é baleado durante sequestro e grava ameaça de bandidos

| 07/10/2020 13:25 h | Atualizado em 07/10/2020, 13:40

Imagem ilustrativa da imagem Motorista de aplicativo é baleado durante sequestro e grava ameaça de bandidos

Um motorista de aplicativo, de 22 anos, levou um tiro no braço depois de ser sequestrado por três suspeitos, na noite dessa terça-feira (6). Mesmo com medo, a vítima conseguiu gravar as ameaças que recebeu (Ouça abaixo).

Aos policiais, o motorista contou que a corrida começou na Praia do Canto, em Vitória, com destino à Praia da Costa, Vila Velha. Dois suspeitos entraram no carro, um Chevrolet Ônix branco. Mas, quando chegaram próximo à Terceira Ponte, anunciaram o assalto.

Os bandidos começaram a discutir sobre o real destino da viagem e foram em direção à Praia do Suá. Lá, obrigaram a vítima a ir para o banco de trás do veículo e buscaram um terceiro comparsa.

Desconfiado dos passageiros, o motorista começou a gravar a corrida, e enviar para outros colegas de profissão, que acionaram a polícia. Toda a conversa e ação dos criminosos foi registrada em áudio. 

De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar começou a monitorar o carro desde a Praia do Suá. Chegando no bairro Bonfim, um cerco estava montado e, ao tentar fugir, os bandidos chegaram a jogar o veículo em cima da viatura, machucando uma policial.

O trio conseguiu desembarcar e fugir por uma escadaria, mas antes, dispararam contra a vítima, que foi atingida no braço direito. Ele foi socorrido para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE) e, segundo familiares, passa bem.

No áudio gravado pelo motorista, é possível ouvir a vítima pedindo para que os bandidos levassem o que quisessem e o deixassem ir embora, pois queria voltar para casa e ver a filha de 2 anos.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS