Login

Atualize seus dados

Polícia

Motoboys fazem protesto após entregador de pizza ser esfaqueado

25/03/2020 17:33:06 min. de leitura

Um grupo com cerca de 50 motoboys realizou um protesto no prédio onde mora o comerciante suspeito de esfaquear um entregador de pizza, de 28 anos, na tarde desta quarta-feira (25). Durante o ato, os manifestantes quebraram a portaria do edíficio, localizado na Rodovia do Sol, no bairro Praia de Itaparica, em Vila Velha. 



O motoboy foi esfaqueado às 22h50, de terça-feira (24), e o motivo do crime, segundo a polícia, foi o fato dele ter entregado a pizza com atraso. Apos esfaquear a vítima, o suspeito fugiu. 

Imagem ilustrativa da imagem Motoboys fazem protesto após entregador de pizza ser esfaqueado
Porta foi quebrada Foto: Leitor
No entanto, por volta das 16 horas desta quarta, o grupo de motoboys foi até o local para protestar. Eles ficaram reunidos em frente ao prédio e por vezes gritaram "assassino". Um pessoa que estava no prédio desceu para tentar conversar com os manifestantes, mas teve início uma discussão. 

Revoltados, alguns motoboys quebraram a porta de vidro do prédio com chutes e, em seguida deixaram o local. Segundo testemunhas, eles descobriram que a família do suspeito tem uma loja na Glória e foram até lá.

Na porta do comércio, o grupo escreveu a palavra "assassino" e tentou arrombar a porta. Agentes da Guarda Municipal de Vila Velha impediram o arrombamento. 

Imagem ilustrativa da imagem Motoboys fazem protesto após entregador de pizza ser esfaqueado
Grupo colocou fogo em galhos Foto: Taynara Nascimento
Os manifestantes se dirigiram até o Pronto Atendimento (PA) da Glória - local para onde o motoboy foi socorrido, antes de ser transferido para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), em Vitória. 

Os motoboys colocaram pedaços de galho na avenida Carlos Lindenberg e, em seguida, colocaram fogo, fechando a via. A Guarda Municipal e a Polícia Militar foram acionados até o local para liberar a avenida.