X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Menino de 10 anos é atingido por bala perdida enquanto brincava em rua de Guarapari

| 20/03/2021 13:46 h | Atualizado em 20/03/2021, 14:28

Um menino de 10 anos foi atingido por um tiro na perna, nessa sexta (19), enquanto brincava com outras crianças a poucos metros de casa. A bala perdida foi disparada durante uma abordagem policial a um suspeito no bairro Elza Nader, em Guarapari.

Ele foi socorrido por militares e levado para um hospital do município e, em seguida, foi transferido para o Hospital Estadual Infantil e Maternidade Alzir Bernardino Alves (Himaba), em Vila Velha, onde deve passar por uma cirurgia.

O caso aconteceu por volta de 19h30 de sexta-feira, após a abordagem de um homem, suspeito de ter invadido uma casa no bairro Santa Mônica, em Guarapari. Ele conduzia um veículo e era perseguido pela polícia quando decidiu parar o veículo na mesma rua onde estava o garoto e mais de dez crianças.

Ao ser abordado, o acusado, que possui histórico de crimes, teria se exaltado e tentado agredir um policial militar que, devido à complexidade física do criminoso, realizou dois disparos.

O criminoso ainda tentou fugir a pé, mas acabou preso pelos policiais. Neste momento, os militares envolvidos na ocorrência receberam informações de que uma criança havia sido baleada. A criança, que brincava nas proximidades de casa no momento do tiroteio, foi atingida com um tiro na perna direita e socorrida ao Hospital Infantil de Guarapari pelos próprios policiais.

No veículo do criminoso, foram encontrados 23 tabletes de maconha, quatro bisnagas de haxixe, 19 tabletes pequenos de maconha, rolo de papel filme e R $1.333,00. O detido e os materiais apreendidos foram entregues à 5ª Delegacia Regional de Guarapari.

Após receber os primeiros socorros, o menino foi transferido para o HIMABA em Vila Velha e segundo familiares, pode passar por cirurgia por conta da gravidade da perfuração.

“A bala entrou na perna direita e saiu na esquerda, causando fratura do osso. Foi tão grave que os médicos estão fazendo exames pra saber se vai precisar de cirurgia. Meu filho estava na rua brincando e tinha várias crianças juntas, poderia ter sido um tiro fatal”, disse a mãe da criança, uma dona de casa de 52 anos, que não quis se identificar.

Por meio de nota, a PM disse que, considerando o histórico da ocorrência, “será instaurado procedimento investigatório para a devida apuração”.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS