X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Menina passou a tarde em festa de família antes de ser morta

| 10/02/2020 22:26 h

Alice tinha 3 anos e estava radiante com os primeiros dias de aula.
Alice tinha 3 anos e estava radiante com os primeiros dias de aula. |  Foto: Reprodução Facebook

Em família. Foi assim que a pequena Alice da Silva Almeida, de 3 anos, passou a tarde e o início da noite que se tornaria um pesadelo para a família dela. Pouco antes de ser baleada enquanto brincava no quintal de casa, a menina estava em uma festa de aniversário de uma tia-avó, no bairro onde morava em Dom João Batista, Vila Velha.

A festa foi foi um almoço que durou a tarde de domingo (09) inteira. Os familiares presentes na comemoração contaram que Alice saiu com a mãe e o pai, mas não voltou. “Foi muito rápido. Cerca de 10 minutos depois que eles tinham saído, o pai dela voltou, desesperado, gritando”, contou um pedreiro, tio da menina, que não quis se identificar.

Aflitos depois que o pai chegou afirmando que a filha tinha sido baleada, os familiares ficaram aguardando notícias da menina. “Passado um tempo, eles vieram nos avisar que ela não tinha resistido. Ninguém acreditou, foi horrível”, disse uma tia, dona de casa, de 46 anos, que não quis se identificar.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS