Login

Atualize seus dados

Polícia

Menina de 10 anos engravida após ser estuprada pelo tio em São Mateus

10/08/2020 21:56:21 min. de leitura

Após sofrer abusos sexuais por parte do tio, uma menina de 10 anos engravidou do próprio agressor. A gestação foi confirmada através de um exame, feito no último sábado (8). O caso aconteceu em São Mateus, região Norte do Estado.

Os estupros eram praticados pelo tio da criança e já vinham acontecendo desde que ela tinha 6 anos. O bairro e o nome dos envolvidos não serão divulgados para preservar a vítima.

Segundo informações de um profissional do Conselho Tutelar, que não quis se identificar, uma tia da menina a levou no hospital pois achava que a criança estava grávida. Os profissionais de saúde perceberam que a barriga da vítima apresentava volume e realizaram um exame de sangue que comprovou a gravidez e indicou que já estava no terceiro mês da gestação.

Os médicos chamaram o Conselho Tutelar do município e, diante dos médicos e de uma assistente social, a criança explicou que era abusada pelo tio desde os seis anos e que não denunciava porque ele a ameaçava de morte. Ela ainda contou que as ameaças aconteciam logo após os abusos praticados pelo tio.

A menina mora com a avó, que também era ameaçada pelo acusado.

Após ser ouvida, a criança recebeu uma medida protetiva, foi afastada do ambiente familiar onde vivia e encaminhada a um abrigo e receberá todo o suporte médico e psicológico do município até que uma decisão judicial seja tomada.

Depois que a denúncia foi feira, policiais foram até o endereço informado pela criança em busca do agressor. No local, foram recebidas por uma mulher que se identificou como ex-namorada do acusado. A mulher informou que ele esteve na casa, mas saiu de carro sem dizer para onde iria. Ela também informou que o homem possui passagem por tráfico de drogas.

A Polícia Civil informou que o fato esta sendo investigado por meio da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Idoso (DPCAI) de São Mateus e, até o momento, nenhum suspeito de cometer o crime foi detido. Para que a apuração seja preservada, nenhuma outra informação será repassada.

A PCES pede que a população possa auxiliar a investigação por meio do telefone 181. O Disque-Denúncia é uma ferramenta segura, onde não é necessário se identificar para denunciar. Todas as informações recebidas são investigadas. As informações ao Disque-Denúncia ainda podem ser enviadas por meio do site, onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas.

Ainda por meio digital, a SESP disponibiliza o app 190ES, por meio do qual qualquer cidadão pode acionar a Polícia Militar e receber atendimento virtual imediato.